Eu sei, o texto é longo pra caramba, mas é carnaval, você é bolhista e não vai sair por aí, igual idiota na multidão. Então acomode-se e leia esse maravilhoso texto, tudo que sempre discutimos aqui está muito bem sintetizado. Já tentou garantir o pódio e marcou a sua presença? Ok, boa leitura!

Raquel Sheherazade, Matheus Faria, liberais e conservadores em geral são umas figuras mesmo. Para eles, quem deve assumir a presidência do Brasil é Winston Churchill, talvez Carlos Magno ou a própria Rainha Elizabeth. Esses tipos são pessoas que ainda não entenderam que, para além de sua ilustre profissão e de sua elegante e aburguesada vida, existe algo chamado realidade.

Há gente neste mundo tão devota e escrava do glamour de sua posição social, de eloquentes discursos dos grandes líderes da humanidade, do garbo e da elegância do jazz americano, de uma vida vivida como se fosse uma peça de teatro com Richard Wagner tocando ao fundo, que já trataram de ignorar toda e qualquer situação que possa quebrar esta doce fantasia.

Até quando a delicadeza e a polidez irá corroer mesmo os melhores dentre nós?

I. O eterno passado

Nos Estados Unidos da América, boa parte do povo foi acostumado a lidar com políticos do calibre de John F. Kennedy e Abraham Lincoln defendendo questões nobilíssimas com uma desenvoltura invejável. No Brasil, tivemos, dentre outros, o erudito Carlos Lacerda, que chegou até mesmo a dar entrevista para um dos maiores talk shows da história da televisão americana, o Firing Line, apresentado por William F. Buckley Jr.

Isso tudo acostumou, tanto o povo americano quanto o povo brasileiro, a sempre esperar de um político ou de um membro do estamento uma espécie de nobreza e cultura, afinal, pessoas morrem, outras nascem, mas a estrutura do Estado sempre passa a impressão de estar imutável. Mesmo no caso do Brasil, que já atravessou tantas mudanças, tantas trocas e golpes, a impressão continua.

As pessoas reclamam dos políticos, dizem que são todos corruptos, mas quando o vizinho resolve se candidatar a vereador e ganha a eleição, todos começam a olhar para ele como “Senhor Doutor”. O mesmo acontece quando alguém se forma em uma universidade brasileira. A maioria desses diplomas já não vale meio maço de Derby, mas quando alguém consegue, logo torna-se um grande magistrado!

Qualquer sujeito com olhar mais atento consegue notar que há nesta situação um delay, um atraso na percepção. Por um lado, desvalorizam o espírito da política e das leis, por outro, quando isso lhes é imediato, valorizam com o maior encanto deste mundo.

Esta falha na percepção acontece justamente quando um povo já reduziu em muito sua aquisição de cultura — e sim, este tem sido cada vez mais o caso americano — , um povo que já não conhece muito bem seu passado, apenas o que dizem dele, e muito menos seu presente, pois os jornais dão conta de deformá-lo. Ou seja, uma parte da população ainda não tomou consciência da passagem do tempo, das mudanças, da valorização de algumas coisas e desvalorização de outras.

Muitos pais, realmente, ainda acham a atitude mais linda do mundo deixar sua filha de 17 anos na porta da faculdade de psicologia, crendo piamente que a moça correrá para os braços do conhecimento. Certamente, fazem isso na tentativa de salvar, em um lance szondiano, seu próprio destino, colocando na filha suas últimas esperanças de um sucesso que nunca tiveram.

Por quê? Porque ainda pensam que as universidades brasileiras ainda são mais ou menos como eram há 40–50 anos atrás. Não somente não são mais daquele jeito, como, devido ao processo de ocupação de espaços por parte das esquerdas, aprofundaram-se ainda mais na revolução cultural, desencadeando consequências mais que terríveis — lembrando que já naquele tempo havia uma considerável infiltração revolucionária, mas em um nível bem inferior ao catastrófico cenário atual.

Este contínuo aprofundamento, meus amigos, não segue como no passado, ele piora a cada dia, tanto que a todo momento vemos cenas mais e mais chocantes no tocante ao ambiente universitário. Pessoas trocando nobres dedadas na peça macaquinhos; cândidas intervenções artísticas que transmitem filmes pornôs transexuais enquanto despejam sangue sobre a imagem de Jesus Cristo; ilibados centros acadêmicos funcionando como boca de fumo; fora todo aquele muitíssimo altruísta processo de manipulação não-cognitiva descrito por Pascal Bernardin em Maquiavel Pedagogo: Ou o Ministério da Reforma Psicológica.

Vejam, por sinal, como se comporta cada serzinho petulante desses que acham uma maravilha o ambiente de uma faculdade de Direito. Todos pensam estar em uma grande assembléia, com seus ternos e gravatas sob medida, discorrendo para um público ansiosíssimo por suas palavras, o qual não medirá esforços para aplaudi-lo ao final do espetáculo, tudo ao som da 5ª Sinfonia de Beethoven.

Cada cidadão desta equivalência sai da universidade pensando que é o próprio Napoleão Bonaparte, supervalorizando de maneira medonha todo aquele universo que o fez ser o imperador das leis. Tudo isso acontece porque todos os alunos aprendem a traduzir o mundo real em linguagem jurídica. Porém, em vez de perceber que o tal juridiquês é uma convenção técnica, tomam para si que a própria realidade é este universo das formalidades, do palavreado bonito, dos títulos, dos grandes discursos, dos contatos.

Como, então, fazer alguém, acostumado com os símbolos, signos, trejeitos, vocabulários, poses e gestos do microverso universitário entender que há um mundo para além de sua pequena ciência, seja Direito, Jornalismo, Letras, Psicologia ou qualquer outra de mesmo gênero? Como fazer alguém que dedicou boa parte de sua vida a mimetizar tal ambiente para encaixar-se nele entender que este sistema está inteiramente corrompido por dentro, devido a uma longa devastação cultural?

Digo isso não me reportando exclusivamente a progressistas, mas sobretudo a conservadores, a pessoas que conhecem Antônio Gramsci, pessoas que conhecem Hebert Marcuse, que detestam a Revolução Cultural, mas que continuam a reproduzir em seu modus operandi, como em uma neurose incontrolável, todos os cacoetes, gostos e costumes de meios já integrados ao esquema de poder progressista.

Urge (sic.) notar: o establishment foi integralmente tomado pela elite revolucionária. Muitos pensam que, por terem lido meia dúzia de livros, podem observar o assunto como algo superado. Contudo, quem disse que ao perceber um erro — principalmente um erro de mentalidade — você o corrige no mesmo instante? Por acaso, alguém depressivo, ao notar que tem depressão, se cura no mesmo instante? Evidente que não.

No entanto, esta é a ilusão que circunda o meio conservador, que pensa estar consciente a respeito de uma deterioração cultural, mas, em momentos-chave, na hora H, tremem diante de todo aquele edifício de organizações, autoridades, títulos, medalhas, prestígio e sorrisos.

Como chegamos até aqui?

II. Entendendo as vigas que sustentam o Leviatã

Para compreender melhor o caso, lembremos que tão avassaladora quanto a magnificência retórica daqueles grandes e eloquentes líderes do passado, foi a revolução cultural promovida ao longo da segunda metade do século XX — e planejada até mesmo antes, como veremos adiante. Década após década, todos sabemos, uma elite revolucionária inexpugnável silenciosamente tomava conta de nossos filmes, propagandas, palavras, leis, universidades, jornais e até mesmo de nossa família.

A maioria de nós associa todo este processo a Antônio Gramsci e à Escola de Frankfurt, o que não é mentira. Contudo, a imagem que muitos formam costuma ser de grandes pensadores colocando idéias e mais idéias em pauta, jogando para escanteio o caráter patológico de tudo isso.

A título de exemplo, pouco se fala que todo este esquema de ocupação de espaços já estava há algum tempo presente na mente e nas ações capciosas do ditador Joseph Stálin, um gênio da estratégia, como explica o professor Olavo de Carvalho em seu curso “Política e Cultura”.

Para se ter noção, Stálin era tão obcecado com a idéia de poder e domínio que tinha a mania de executar pessoas nas quais tinha plena confiança, exatamente porque somente lhe trai quem você confia, então o ditador as matava antes que tivessem oportunidade de sequer sondar uma traição. Stálin foi o César que matou Brutus, mesmo sem saber quem o era verdadeiramente.

Esse tipo de mentalidade crua, facínora, psicopata, é que foi transmitida ao longo do século para nossos jornais, universidades, Igrejas e, obviamente, para todo o sistema político e jurídico. O que hoje conhecemos como establishmentpossui raízes profundamente perversas e doentias, de maneira que todo e qualquer fingimento encontra legitimidade, todo e qualquer assassinato pode se tornar justo, uma vez que estão todos destinados ao supremo bem projetado no futuro.

Esta, por sinal, é a realidade venezuelana. O Brasil somente não virou algo semelhante à Venezuela por algumas limitações técnicas do país, não por falta de vontade. As proporções continentais, a grande população e o fato de ser a maior fonte de alimentação financeira do eixo latino-americano — o que o força a produzir algo, ainda que seja via corrupção — sempre limitam as ações do establishment. Por isso mesmo um dos objetivos daqueles interessados no governo mundial é justamente reduzir a população dos países. Com menos pessoas, mais fácil se tornar dominá-las.

Nos Estados Unidos da América tudo isso fica ainda mais complicado, porque lá eles criaram uma cultura de posse de armas muito grande, implantaram com sucesso o federalismo e compuseram uma excelente Constituição — ainda que, dia após dia, seu sentido original seja pervertido por uma Suprema Corte extremamente comprometida com valores liberais (liberal).

Nessa disputa não há inocentes, não há burros, não há aqueles que “divergem”. Há os psicopatas, os histéricos que os seguem e o resto da população que vai se tornando histérica tão logo a cultura revolucionário se espalhe — como veremos adiante. Não é que Lula seja burro, não é que José Dirceu seja “ladrão”, não é que José Serra ou Geraldo Alckmin sejam pessoas que não entendem nada de economia, mas sim que esses sujeitos tem uma mentalidade verdadeiramente doentia — e isso não é um xingamento. O compromisso que assumiram com a política socialista equivale à venda de sua própria vida ao projeto de poder revolucionário. O que difere um político do outro é apenas a função, a posição que ocupam no esquema, e não seus princípios.

Por exemplo, José Serra não pode ser visto publicamente entoando demais o discurso socialista; já Lula tem o dever de fazer isso, para alinhavar a militância; José Dirceu lida com a questão da inteligência, e toma para si toda a responsabilidade caso algo dê errado; Geraldo Alckmin se concentra em ser o mais limpinho de todos, caso tudo desmorone de vez — mas em face de seus recentes problemas com a Lava-Jato, todos engatam logo João Dória para atuar no mesmo papel; Ciro Gomes é o falso autêntico, sendo utilizado como side-kick sempre que necessário e, finalmente, Marina Silva entra no papel da garota isenta, desiludida com o mundo político e amante da natureza.

Nenhum dos meliantes supracitados são pessoas mesmo, com idéias suas e sozinhas no mundo político, mas são, na verdade, estratégias diversas do movimento revolucionário, que ora aparece em forma de parceria com o bloco chinês (Ciro), ora aparece em forma de uma aliança latino-americana (PT/PSOL/PCdoB) e ora aparece em sua versão alinhada com o projeto meta-capitalista de George Soros e companhia (PSDB, Marina Silva e Luciano Huck).

Por sinal, nos últimos anos, em face do fenômeno Donald Trump, surgiu a necessidade de se criar uma nova estratégia: a estratégia do empresário de sucesso alheio ao meio político. Naturalmente, o estamento burocrático, de forma orgânica, começa a produzir novas figuras que se encaixem nesse perfil. No Brasil, temos o nome de Luciano Huck; na América, há Mark Zuckerberg.

De acordo com a situação, todos se realocam, na base da máxima de Hegel, “unir os divergentes para combater os antagônicos”, mudando do plano A para o plano B, do plano B para o plano D, do plano D para o plano A, do plano A para o plano C, sem necessariamente haver um padrão, para que o esquema possa moldar-se às exigências específicas da situação.

Isso não acontece somente no poder executivo, muito menos somente nas eleições. Toda a grande mídia funciona assim. Todas as militâncias universitárias funcionam assim. Até mesmo o STF funciona assim — ou já esquecemos daquelas ligações suspeitíssimas conectando Ricado Lewandovski a um possível tráfico de influência? Por sinal, vocês lembram que antes Gilmar Mendes era o queridinho dos conservadores? Fez parte do Brasil Paralelo, bateu foto com o Professor Olavo de Carvalho e tudo. Ele foi composto exatamente para esta finalidade, para conquistar o público conservador e depois traí-lo, soltando todos que outrora condenou, já dando uma motivação enorme para a grande mídia criar mais e mais notícias demonizando o suposto conservadorismo. Gilmar Mendes hoje é mal visto, e sua má reputação escorre para os conservadores que um dia o apoiaram.

No caso da mídia, já está ridículo. Há inúmeros casos de como a mídia simplesmente falsifica a realidade em nome de um projeto cultural, projeto este presente em todas as redações de jornais, em cada setor de produção de conteúdo dos canais de televisão, em cada repartição de marketing das empresas supostamente capitalistas.

Como esquecer o jornalista da Folha de São Paulo que foi entrevistar o humorista Danilo Gentili com a manchete já pronta, mas se fingindo de imparcial? Como esquecer da matéria cínica feita pela jornalista Flávia Tavares, da Época, após fazer uma entrevista, na qual se mostrava simpática, educada e carismática, com o professor Olavo de Carvalho? Como esquecer cada manifestação em 2014, 2015 e 2016 nas quais milhões de pessoas eram reduzidas a “cerca de mil”? Como esquecer o incentivo à ideologia de gênero a todo momento? Como esquecer as matérias nas quais, dissimuladamente, os jornais pregam o aborto?

Não há qualquer razão sensata para tantos indivíduos cultural e politicamente entendidos continuarem dentro da redoma social criada por estes órgãos de mídia, aprovando suas matérias, divulgando seus acertos, elogiando suas pesquisas, et cetera, simplesmente pelo fato de que, quando fazem o certo, não fazer porque é certo, mas porque, de vez em quando, precisam dar alguma verossimilhança à sua mentira.

Costuma-se dizer que o diabo diz a verdade nove vezes, para na décima mentir. No Brasil, o diabo diz nove mentiras e uma verdade, e isso parece mais do que suficiente para nossos queridos liberais e conservadores continuarem seu pacto com ele.

Todo o establishment está muitíssimo articulado para manter sua sobrevivência após a paulada que levaram — apesar de MBL, Fábio Ostermann et caterva, e não por causa deles — , pois todos ali notaram que, durante um determinado período, seu pescoço estava na reta.

Na América foi mais simples, pois o próprio país foi criado para resistir a abusos do governo. O que há de ruim prospera muito, mas o que há de bom também. Há um grande espaço para mídias alternativas; há menos burocracia para tocar um negócio; os próprios recursos para manter uma rádio ou uma plataforma jornalística, como o Infowars, são mais baratos; uma das maiores audiências do país são o Drudge Report (exclusivo na internet) e o Rush Limbaugh (radialista), ambas mídias alternativas. Tudo isso facilitou a infiltração de Donald Trump no coração do establishment.

Já o Brasil foi criado para conviver com um governo abusador, e todas as pessoas letradas daqui tem uma fissura muito maior pelo prestígio, pelas aparências e pelo glamour do que um americano médio, o que somente torna ainda mais difícil convencê-lo de que toda a sua paixão pelo afeto generalizado e por seu papel social não passam de uma débil vaidade, não raramente se convertendo em pura histeria.

III. O caráter bélico da política

Muitas vezes, muitos de nós, metidos a intelectuais, em meio a livros, teses e cachimbos, esquecemos de analisar o fator psicológico da sociologia, e justamente por esquecermos, participamos deste calabouço mental, gastando uma energia imensa tratando com respeito, polidez, bom mocismo e “respeitabilidade” aqueles que não desejam outra coisa além de destruir-nos por completo, para que assim consigam subjugar a população e angariar poder.

Os conservadores e liberais, tanto americanos quanto brasileiros, amam viver neste mundo da “divergência de idéias”, no qual de um lado está Kennedy e do outro está Nixon, sem notar que seus adversários, na verdade, não estão discutindo idéias, mas criando pretextos para escravizá-los, ou até matá-los. Vários são os depoimentos de militantes do PCdoB falando a respeito de pegar em armas, ou que lugar de conservador é na ponta de um fuzil.

A política, em sua essência, sempre foi a arte da guerra, tanto que voltamos ao seu caráter primitivo sempre que necessário. O governo da diplomacia acontece apenas quando as partes envolvidas no jogo desejam apenas negociar, jamais destruir ou oprimir. Se você notar, isso é um luxo, é algo que está presente apenas em momentos muito específicos da história humana, principalmente se tivermos em mente a narrativa contida em “O Jardim das Aflições”, na qual observamos que durante toda a história houve sucessivas tentativas de controle com o intuito de reconstruir o que um dia foi o Império Romano. Para os entusiastas de filmes e séries, a política tem muito mais a ver com Game of Thrones do que com The Crown.

Claro que devemos adequar nosso ímpeto de acordo com o inimigo. Diante de um inimigo que não quer nos destruir, que não quer escravizar nossos filhos, que não quer tomar nosso território, que não quer demolir nossa pátria, não há sentido em tratar a política tal qual uma guerra. Porém, este não é o caso concreto do Brasil e do mundo.

Após as milhares de mortes provocadas por ONGs abortistas; diversos jovens terem suas vidas pervertidas pela cultura pop e pela ideologia de gênero; tantas moças perderem sua dignidade para o feminismo; tantas pessoas perderam a vida para as drogas; o estímulo irracional à luta de classes culturais (brancos contra negros, homossexuais contra heterossexuais, ricos contra pobres, homens contra mulheres) e, finalmente, após tantos indivíduos perderem sua liberdade interior para psicopatologias severas estimuladas pelo governo e pelo show biz, creio que ninguém mais ainda tem boçalidade o suficiente para negar a gravidade do presente estado de coisas.

O que existe hoje é somente a polidez, e muitos revolucionários aprenderam a utilizá-la como mecanismo de controle. Diversos são os casos nos quais o sujeito defende as idéias mais absurdas, idéias que, muitas vezes, pregam o assassinato em massa ou mesmo uma regulação ostensiva de todos os setores da vida humana, como seria em um governo mundial — ainda mais se lembrarmos que este projeto possui um poderio tecnológico jamais visto — , mas disfarçam tudo com linguagem polida.

Pensar que atualmente as normas de cortesia podem ser aplicadas da mesma forma que eram há quarenta anos ou há três séculos é simplesmente suicídio político, sobretudo porque, hoje, o estamento é inteiramente dominado pela cultura revolucionária — o que necessariamente inclui a linguagem. Sendo assim, toda vez que um político ou jornalista conservador resolve apelar demais para a polidez, ele incentiva o meio de comunicação do inimigo, em vez de destruí-lo.

Tudo que toda a estrutura de poder progressista quer de liberais e conservadores é ativar aquele ímpeto burguês, “Me recuso a falar nesses termos. Não sou pessoa de palavrões. Não sou de humilhar ninguém”. Se recusar, em uma guerra, a fazer o que for necessário para destruir o inimigo sem contrariar a lei de Deus, é contrariar a lei de Deus. Não por menos o escrúpulo e o respeito humano — o excesso de estima pelo que é do homem — é pecado no catolicismo, porque eles impedem o progresso da virtude, eles nos congelam e limitam nossas ações, de maneira que fiquemos impedidos de agir como Deus espera que façamos, para que não firamos a sensibilidade dos transeuntes. Isso não é virtude, mas vício.

“Que conversas! Que baixeza e que… nojo! — E tens de conviver com eles, no escritório, na universidade, no consultório…, no mundo.

Se pedes por favor que se calem, ficam caçoando de ti. — Se fazes má cara, insistem. — Se te vais embora, continuam.

A solução é esta: primeiro, pedir a Deus por eles e desagravar; depois…, ir de frente, varonilmente, e empregar “o apostolado dos palavrões”.

– Quando te vir, hei de dizer-te ao ouvido um bom repertório.”

Padre Josemaria Escrivá, Caminho, Ponto 850

A intenção dos agentes revolucionários ao serem gentis não é partilhar de educação, mas sim forçar o opositor a respeitar a idéia criminosa defendida por eles, dando, subliminarmente, ares de legalidade e respeitabilidade ao crime. Se nós aceitamos isso, e respondemos com decoro por mero temor de ser deselegante fazendo uso de palavrões ou apontando dedos, então nós liquidamos toda e qualquer possibilidade que nos foi dada para desmascarar sua vilania e caráter criminoso.

Ao utilizarmos de polidez com inimigo tão vis, estamos conferindo a todos eles um respeito que não merecem, pois não possuem pretensões honradas o suficiente, e esta consideração que lhes fornecemos é passado como exemplo para nossos correligionários, que, por sua vez, tratam de entender tudo dentro do plano da mera divergência de idéias, abrandando assim suas ações e pensamentos, tornando-se uma presa fácil a qualquer abordagem mais sedutora por parte de um revolucionário mais esperto.

Muitos liberais reproduzem Ludwig von Mises, “Idéias e somente idéias podem iluminar a escuridão”, mas esquecem que Mises nunca foi um grande filósofo, muito menos um estrategista político, tanto que baseou boa parte de suas perspectivas em Kant, um filósofo que serviu de base para as idéias que ele estava lutando arduamente para refutar em “Ação Humana”.

É impossível combater idéias sem combater pessoas, mas o ímpeto de lisonja e delicadeza cega nossos liberais e conservadores, persistindo em uma insistência irracional pela manutenção desse universo polido e bonitinho — que não existe em outro local que não suas cabecinhas — , a ponto de preferirem mil vezes um polido incapaz a um desbocado capaz, porque desejam, a ferro e fogo, negar a guerra na qual estão inseridos, tentando reforçar, inutilmente, que existe sim uma nobreza no mundo pós-moderno — e é exatamente isso que os progressistas desejam que ele pense.

Se Napoleão Bonaparte dizia que a força vale mais que a própria esperteza, o que ele não diria sobre a polidez?

Update 16/01/18, 12:31: Pouco menos de um dia após a publicação deste artigo, foi lançada a notícia de que, por ordem do ditador Nicolas Maduro, Óscar Pérez, um opositor, foi executado. Não somente isto aconteceu como a senadora Gleisi Hoffmann disse, pouco depois, que “para prender Lula vai ter que matar muita gente”. O que somente reforça o que viemos dizendo ao longo do artigo, e que irá se confirmar ainda mais a seguir.

IV. A psicosociologia na pós-modernidade

Em seu livro “Political Ponerology”, o Dr. Andrew Lobaczewski demonstra que sempre que um governante psicopata toma o poder ele não forma uma legião de outros psicopatas, mas sim de histéricos.

A histeria é a consequência quase inescapável da força que uma mente tomada pela psicopatia exerce sobre alguém mentalmente sem força, empurrando todos esses sujeitos a mudarem completamente suas percepções do mundo para que se adequem às exigências abusadas do novo líder.

Enquanto o psicopata não tem qualquer sentimento moral, o histérico aprende a acreditar não no que as coisas são, mas no que ele fala para si — ou no que houve do líder psicopata. Isto é, muitos neste esquema nefasto tem, sim, sentimentos morais, mas já são completamente anestesiados por uma auto-persuasão doentia.

“A histeria é um comportamento fingido e imitativo, no qual o doente nega o que percebe e sabe, criando com palavras um mundo fictício cuja credibilidade depende inteiramente da reiteração de atitudes emocionais exageradas e teatrais.”

Olavo de Carvalho, Psicopatia e Histeria

O problema do Brasil e da América não é simplesmente um problema de política, nem de economia, mas um problema psicopatológico. As pessoas estão doentes.

O alto escalão do establishment é governado por sujeitos que sofrem de uma redução na atividade da psique. Hilary Clinton não é uma “corrupta”, mas uma doente; Lula não é um “ladrão”, mas um doente. Todos eles exercem sua influência doentia pressionando os outros segmentos do estamento e o resto da população para que sigam suas normas, desencadeando a histeria como lei.

Porém, após todo este alvoroço em torno de Bolsonaro por parte da tal “Nova Direita Brasileira”, e depois do fracassado #NeverTrump, fica ainda mais claro que todas características abomináveis não são “privilégios” socialistas.

Muito se engana quem pensa que a histeria da qual falamos atinge exclusivamente os militantes, os fanáticos. Em tese, sim, pois somente estes indivíduos tem real compromisso em teatralizar a própria vida para servir aos psicopatas que tanto amam. Contudo, quem pode identificar quem são realmente estes indivíduos? E se for seu pai, que exerce influência sobre a família inteira? E se for seu patrão, que espalha minunciosamente sutilezas histéricas pelo ambiente de trabalho?

Com a convivência, sobretudo para a personalidade brasileira, é impossível não ter sua personalidade atingida pela pressão dos pares, ainda mais se esta pressão for exercida por alguém em posição de liderança. Pior, todos sabemos que o meio jornalístico, o meio editoral, o meio do jurídico, o meio libertário e tantos outros são simplesmente lotados de camaradas revolucionários até o último suspiro, que se encontram ali justamente por causa da ocupação de espaços da qual falamos no começo.

No dia-a-dia, pela simples convivência, todos esses juristas, jornalistas e editores acabam considerando em suas ponderações o teatro histérico de seus pares, de maneira que fazem o possível para se posicionar em um estratégico meio termo, sendo Bolsonaro frequentemente uma moeda de troca, “Sou conservador, mas detesto o Bolsonaro tanto quanto você, sejamos amigos”. Em toda mesa de bar a cabeça do capitão rola para unir pessoas afetivamente carentes.

Para estes indivíduos, supor que não é uma questão de mera divergência, mas sim de doença mental, no ato, os apavora completamente, porque isso significa uma vida inteira de mentiras, significa a perda dos amigos, significa dificuldades no trabalho por causa da nova obrigação moral e significa mais tantas outras incontáveis tribulações.

“Lobaczewski descobriu que essa histeria não é ‘causa sui’: é produto da influência penetrante e quase irresistível que os psicopatas exercem sobre as mentes fracas, trocando a sua percepção natural do mundo e de si mesmas por uma ‘segunda realidade’— para usar o termo de Robert Musil — da qual só podem emergir por um salto intuitivo atemorizador e humilhante que lhes custará, ademais, a perda dos laços de solidariedade grupal, base da sua precária subsistência psicológica.

Olavo de Carvalho, Lógica da Histeria

Mais uma vez, Olavo tem razão. A realidade é essa e ela é implacável, ela faz questão de sempre derrubar todos de um Parlamento Inglês do século XIX para colocá-los num bar fedorento, às 2 da manhã, no qual uma velha gorda canta desafinadamente Amado Batista, com o auxílio de uma percussão tosca reproduzida por aquele teclado musical fedorento parcelado em 12x.

A quebra dessa fantasia, desse deslumbramento sem propósito com as instituições e com o prestígio social — ambos reforçado pela polidez — não é somente um modo de se livrar da redoma revolucionária, mas o única investida que pode retomar a sanidade nacional, o tal “salto intuitivo atemorizador e humilhante que lhes custará a perda dos laços de solidariedade grupal”.

É isso, é justamente isso, que não entra na cabeça de Raquel Sheherazade, de Luciano Ayan, de Matheus Faria, de Ilisp, de “Livres”, de Carlos Andreazza, de João Pereira Coutinho, de Antagonistas, de MBL et cetera — e olha que nutro alguma admiração por alguns destes senhores, que por sinal estão caladíssimos após Trump ter sido eleito contra sua vontade e ainda por cima estar dando uma aula de capitalismo e conservadorismo.

Aprofundo o motivo, dentro desta mesma linha de raciocínio.

Pensem por um segundo no trabalho que o Matheus Faria deve ter tido para chegar onde chegou. Fazer uma faculdade por anos, dentre provas e bajulações constantes, em um ambiente extremamente estressante que ostensivamente empurra os alunos para fora da realidade, os inserindo em um formalismo jurídico demente. Então o sujeito começa a advogar, enquanto se aventurar numa pós-graduação, o que deixa tudo ainda mais desgastante, para futuramente passar dias e noites sem dormir, estudando para concursos e mais concursos, nos quais não há garantia de ingresso rápido.

Agora pensem na Sheherazade. Fez faculdade de Jornalismo — poderia parar por aqui; trabalhou no Tribunal de Justiça da Paraíba; foi repórter da TV Justiça; depois da fama, a moça era constantemente bombardeada nas redes sociais; já levou um cala a boca do patrão; vivia pisando em ovos, pois tinha que conciliar o jeito reaça com sorrisos para o meio jornalístico, sempre levando pressão e paulada.

Para aquele, o meio jurídico é tudo, para esta, o meio jornalístico é a própria vida. Descobrir que estes meios não têm seriedade alguma em seus títulos, em seu glamour, em sua audiência, significa admitir que construíram uma vida de mentiras, que entregaram seu esforço para um mundo artificial e, no mais, doentio.

Me digam: quem vai querer sustentar este peso após orgulhosos 40 anos?

Muito mais alento conseguem dando uma parcela de seriedade ao establishment, fazendo as pazes com meio mundo de contatos após anos de agonia, reconhecendo as instituições como as últimas maravilhas do mundo — o que imediatamente aviva sua permanência naquele papel social — , tudo por um preço muitíssimo barato: o pescoço de Jair Bolsonaro, “o troglodita”.

Disso compõe-se a histeria liberal-conservadora, sedimentada no sonho de crer que o mundo no qual vivem ainda é aquele mesmo de seus pais, esperando que na próxima eleição o presidente eleito seja mais ou menos parecido com Thomas Jefferson ou George Washington.

De fato, é compreensível que isso aconteça no meio liberal, afinal, para o liberalismo, o que interessa é a prosperidade financeira e social mesmo, a doutrina liberal — ou libertária — não entra no mérito cultural, apenas tenta justificar seus atos segundo uma filosofia iluminista muito piegas. No entanto, que conservadores persistam nisso, após constatarem o declínio da beleza, da cultura, da sanidade, é realmente vergonhoso.

Cada vez que alguém ameaça acordar ambos desta fantasia, destruindo seus queridos papéis sociais e delírios burgueses, logo ficam extremamente ouriçados, tratando de apelar a qualquer justificativa para sustentar seu devaneio, até mesmo reproduzindo irracionalmente notícias da grande mídia — antes tão odiada por estes mesmos senhores! — , cuja única finalidade a este ponto é fornecer ares de crime a uma conduta legal e ares de legalidade a uma conduta criminosa.

V. A Força da Personalidade

A vida burguesa, com suas viagens para os Alpes Suíços, com seus vinhos e queijos, com suas conversas “intelectualizadas”, com o prestígio de seus títulos e medalhas, tinha que seduzir, uma hora ou outra, aqueles que se diziam esclarecidos sobre o presente estado de coisas.

Quando alguém como Jair Bolsonaro aparece falando como fala, de maneira clara e direta, sem rodeios, sem encenação, falando como uma pessoa normal fala — e conquistando pessoas normais por isso — , acusando todas as figuras da política nacional por seus crimes mais escabrosos — que vão muito além da simples corrupção — , reforçando o caráter psicopático e histérico de todo o edifício do establishment, eles sentem que já não estão mais na Suíça, que já não estão mais em 1830, mas no Brasil, em 2018.

Por isso, a pergunta que desmonta todas essas criaturas é:

— Onde vocês pensam que estão?

Por onde Jair Bolsonaro passa, ele consegue causar essa desilusão, que pode ser boa para alguns, mas que, sem dúvida, é terrível para quem acha que o próximo presidente bom deve ser como John Adams ou Edmund Burke, que, de fato, foram homens notáveis, de maneira que suas personalidades vão para além de qualquer tempo, mas muitas de suas características foram feitas sob medida para suas épocas, e em uma época como a nossa talvez já não funcionassem propriamente.

Muitas destas figuras do passado, por sinal, como José Bonifácio, e até o próprio Churchill, sabiam quebrar estas normas sociais quando necessário. O problema é que isto não se encontra presente na memória de nossos liberais e conservadores, muito menos saberiam conceber um ambiente em que estas normas tivessem que ser quebradas rotineiramente, precisamente a circunstância do mundo pós-moderno, em especial do Brasil e da América.

No caso de uma nação com uma personalidade ainda mais fraca, como é o triste caso brasileiro, a falta de polidez no trato com instituições do estamento não somente é bela e moral, como é necessária. Por isso mesmo o Professor Olavo de Carvalho não somente criou o Curso Online de Filosofia, como fez questão de produzir um programa de rádio, o True Outspeak, no qual ele se permitia falar palavrões e esculhambar meio mundo de gente, exatamente para demonstrar o desprezo que devemos ter por quem nos oprime rotineiramente, para exemplificar a falta de respeito que devemos aplicar àqueles que destroem a mente de nossos filhos e a moral de nossa pátria.

Muitos são os que escolhem não usar palavrões e não apontar dedos em nome da boa educação e da boa ordem, mas, ao fazerem isso, conferem respeito a seus inimigos, legitimando aqueles mesmos que desejam destruir a educação e a ordem.

Bem sei que apretensão destes indivíduos com isso é remeter a uma educação que está acima da temporalidade, que merece uma aplicação não importa a circunstância. No entanto, se o próprio Deus, na pessoa de Nosso Senhor Jesus Cristo, agiu com severidade física para expulsar avarentos comerciantes do templo, por estarem se utilizando de um espaço sagrado para produzir lucro; se chamou grandes autoridades de hipócritas; o que Ele não diria ou faria em relação a militantes abortistas, políticos psicopatas com ímpetos ditatoriais e jornalistas que se valem de sua posição para construir incentivar todo este caos?

Em um mundo onde a desordem é o costume, incentivar o costume é incentivar a desordem. Quem deseja minimamente agir com ordem, tem o dever moral de ser desordenado em relação ao mundo, ou, no mínimo, um “troglodita” — como amam categorizar Trump e Bolsonaro simplesmente por falarem como um cidadão comum fala, e não como um discípulo de Russel Kirk. Corroborar com a polidez moderna tem a ver com educação tanto quanto o Partidos dos Trabalhadores tem a ver com sinceridade.

Notamos claramente que este comportamento e estas exigências não derivam sequer da instância superior da vida humana, a religião católica, de onde vêm, então? Das determinações dissimuladas de um cotidiano farsesco e burguês, que exige daqueles que desejam pertencer a ele o máximo de fingimento possível, para que assim possam dar continuidade a um teatro social ventriloquamente fabricado pelo establishment contemporâneo.

O fato de figuras como Donald Trump e Jair Bolsonaro serem ostensivamente contrários a este conluio dos demônios — sabendo que inúmeras fortunas, títulos, papéis, elogios e grandezas o aguardariam caso resolvessem colaborar — não faz deles sujeitos truculentos, bárbaros, mas sim personalidades formidáveis, personalidades que são capazes de negar as seduções do mundo, da modernidade, em nome de um sentimento verdadeiro que possuem por seu pais, por seu povo e, sim, por Deus.

Para quem não sabe, Trump fez questão de trazer o Natal de volta à Casa Branca, fazendo um belo discurso exaltando Cristo, acabando com o malfadado “Happy Holidays” — tão incentivado por Barack Obama para agradar a todas as religiões e povos, num multiculturalismo sem vergonha. Já Bolsonaro, faz questão de colocar Deus na frente de sua campanha, estampando-o em seu slogan, algo que, há muito tempo, não vemos no Brasil — ou que, talvez, jamais vimos.

Enquanto a moral liberal-conservadora incentiva uma prisão no escrúpulo, na vanglória da falsa intelectualidade e na modéstia puramente teatral; o desprendimento em relação ao respeito humano de Jair Bolsonaro e Donald Trump nos acostuma a ter coragem, a não nos deixarmos seduzir pelo prestígio, pelas fortunas, e a nos mantermos firmes às nossas consciências e valores.

A polidez moderna dos liberais e conservadores ajudam a manter o horror e o vício, já o vigor rústico de Jair Bolsonaro e Donald Trump incentiva o belo e o virtuoso.

Afinal, quem são os trogloditas?

Donald Trump e Jair Bolsonaro são personalidades sem papas na língua, e é exatamente disso que nós estamos precisando para tempos onde somos governados pelas insensíveis sensibilidades de revolucionários desajuizados, sempre munidos de seu cinismo assassino. Felizmente, não precisamos de senhores com cachimbos, vinhos importados e palavras bonitas, nem de supostos eruditos de terno e gravata borboleta. Ao contrário, é mister alguém que, pela força força da própria personalidade, consiga transmitir um pouco de sinceridade a uma realidade inteiramente maquiada pela psicopatia e pela histeria de uma elite perversa.

Por isso mesmo João Amoedo não poderia jamais ganhar esta eleição, mesmo que Bolsonaro nem sequer fosse candidato, simplesmente porque ele respeita, estima e cultua cada corredor do estamento burocrático, cada virtude maquiada de vício criada pela modernidade. Infelizmente, ele preza excessivamente por nossas falidas instituições e por sua trajetória em grandes bancos Brasil afora. Isso não quer dizer que ele seja uma má pessoa, mas simplesmente que ele não está pronto para o que precisa ser feito, pois sua personalidade não está em jogo aqui, e o brasileiro médio facilmente nota que alguém assim não rompe verdadeiramente com que estava sendo feito. Entre o antigo velho e um novo velho, melhor o antigo, pois detém mais experiência, ainda que seja experiência na prática da sandice.

Nossa realidade mostra que o aparato revolucionário é composto não por pessoas educadas que desejam debater os mais elevados dilemas humanos, mas por indivíduos munidos dos mais diversos transtornos patológicos — tal qual fica evidente no livro do Dr. Lyle H. Rossiter, “The Liberal Mind” — , pessoas que são capazes de fazer o que há de mais podre para cumprir suas pretensões de poder. Não é que estamos debatendo contra gentis colegas com idéias diferentes, mas que estamos em um inferno, em um hospício, onde o uso da razão já não quer dizer coisa alguma, no qual o apelo moral já não faz qualquer sentido.

Estamos vivendo em um tempo em que meliantes assaltam abrigos para idosos, colocando .40s na cabeça de senhoras de idade; vivemos em um tempo em que políticos defendem que o homicídio de crianças nos ventres de suas mães não passa de uma mera operação cirúrgica; vivemos na iminência de tomar como legal o abuso de menores de idade por parte de adultos; tudo isso previamente arquitetado por sujeitos poderosos que detém cada vez mais controle sobre corações e mentes quanto mais incentivam pandemônios sociais.

O que esperar de amanhã?

A modernidade oprime a percepção natural das pessoas, e, se continuarmos a cantar e dançar segundo esta música, jamais retomaremos o que foi destruído ao longo do último século, mas sim iremos corroborar para aprofundar-nos a nós mesmos em um sono inconsequente, que tão mais profundo fica acada pontinha de orgulho por um artiguinho ter saído na Folha de São Paulo; a cada medalhinha de honra ao mérito aceita como se fosse o ápice da vida humana; a cada diploma visto como algo de uma importância homérica.

Repita-se as palavras do Professor Olavo: “Lobaczewski descobriu que essa histeria não é ‘causa sui’: é produto da influência penetrante e quase irresistível que os psicopatas exercem sobre as mentes fracas, trocando a sua percepção natural do mundo e de si mesmas por uma ‘segunda realidade’ — para usar o termo de Robert Musil — da qual só podem emergir por um salto intuitivo atemorizador e humilhante que lhes custará, ademais, a perda dos laços de solidariedade grupal, base da sua precária subsistência psicológica.”

Perceba que somente alguém vigoroso pode trazer de volta uma personalidade já perdida na confusão mental criada por uma elite cultural extremamente doente. Novamente, não se tira alguém dessa condição, com os mecanismos que temos — afinal, o ideal seria um consultório, não um palanque — , com beijinhos e carícias, com divergências elegantes.

No presente momento, nós não precisamos de Ted Cruz, nós não precisamos de Marco Rubio, nós nem sequer precisamos de Ronald Reagan; nós não precisamos de João Amoedo, nós não precisamos de Dr. Rey, nós nem sequer precisamos de Carlos Lacerda. Nós precisamos de tipo como Jair Bolsonaro e Donald Trump, nosso realidade exige isso, e quem não percebe essa urgência é porque faz parte do problema, não da solução.

Mateus Matos Diniz.

  • Money addicted 12/02/2018 at 07:15

    1 st

  • Derick 12/02/2018 at 07:35

    2

  • Qwerty 12/02/2018 at 07:37

    Third

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 07:39

    Bom dia!

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 07:51

    De novo, Orwell e Huxley tinham razão. O.O

  • Cetaceo 12/02/2018 at 08:01

    Bom dia folks.

    Texto muito foda! Obrigado.

    É isso ai, continuem metendo o pé na porta! #GoTrump #VaiJair

  • Neco 12/02/2018 at 08:03

    Bom dia.

    Hoje não é tópico, é livro.
    Mas depois vou ler.

  • Barnabezinho 12/02/2018 at 08:06

    Bom dia! Obrigado, AL! podia ter quebrado em dois capítulos, mas dá pra ler tudinho!!!

  • galt 12/02/2018 at 08:06

    Bom dia.

    Leitura Parcial até o momento, mas já deu para ver a qualidade do autor. O cara é fera mesmo. Conseguiu sintetizar uma gigantesca quantidade de informações , com um assunto denso, de uma maneira excelente e um português perfeito.

    Fazia tempo que não pegava um texto tão bom. Mais tarde já vou enviar para os meus amigos liberais, mais conhecidos como insentões, para ver se converto mais alguns.

  • Saporetti 12/02/2018 at 08:18

    Hoje o BOB não topicou, deu palestra! Bom dia…

    • Mineirausfall 12/02/2018 at 08:26

      Tópico fixo. 🙂

      No ano passado, o CarnaBOB também foi massa.

  • Oriundo 12/02/2018 at 08:25

    Hi folks
    Congratulations, AL!
    Li tudo.

    Vejam os montros saindo do armário…. Não há renda, phorrraaa!

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,farra-do-credito-de-veiculos-gerou-rombo-de-r-22-8-bi-para-bancos,70002186921

    • Mineirausfall 12/02/2018 at 08:29

      MAS O QUE QUE É ISSO?!?!

      Fake Press falando abertamente a expressão proibida:

      F A R R A . D O . C R É D I T O

      Esse é um ÇINÁU gigante!

    • Neco 12/02/2018 at 10:36

      Sem nenhum real de entrada, Silva saiu da revenda dirigindo um Celta 1.0 preto com ar quente, direção hidráulica, travas e vidros elétricos. Por tudo isso, se comprometeu com 70 parcelas mensais de R$ 819,03. O contrato mostrava uma dívida de R$ 57.332,10, mas a chave era de um carro que, zero, valia R$ 32 mil.
      ——
      No final, faltando 30 parcelas, Silva teve sorte e conseguiu vender o carro sobrando 500 reais.

      • bolha buritis 12/02/2018 at 11:27

        Não tenho pena.

  • Julio 12/02/2018 at 08:33

    A TV de Bolsonaro
    Brasil 12.02.18

    “A ala da bancada evangélica que apoia Jair Bolsonaro está pronta para bombardear a candidatura de Luciano Huck”, diz Andreza Matais.

    Aparentemente, o bombardeio será feito pela TV Record.

    PS. Com esse Carnaval do RJ, com Crivela sendo massacrado e os símbolos religiosos deturpados pelo corte da grana pública, acirra-se a disputa Record x Globo. A primeira com Bolsonaro, a segundo com seu funcionário Huck.

    • Saporetti 12/02/2018 at 08:35

      loucura, loucura e + loucura!

  • Saporetti 12/02/2018 at 08:45

    Duvida, se um boleto vence dia 11.02 (domingo) pode ser pago só na quarta de cinzas?

    • 300esparta 12/02/2018 at 09:10

      sim. sem multas ou juros.

      • Saporetti 12/02/2018 at 09:19

        valeu Esparta!

    • 300esparta 12/02/2018 at 09:11

      só que prepare as pernas pra esperar na fila na quarta feira. vai ter longas filas.

      E se deixar passar de quarta, os juros e multas correm do dia 11 em diante e não do dia 14 em diante.

  • dautonico 12/02/2018 at 08:56

    Bom dia amigos da rede bolha…

    Venho por meio deste comunicar a liquidação das minhas operações em moeda estrangeira.

  • Amy Rose 12/02/2018 at 09:02

    Bom dia bolhistas!

    Ótimo tópico. Em síntese: é guerra! não dá para ser cortês com quem quer a sua destruição.

  • Amy Rose 12/02/2018 at 09:18

    Só trouxa vem para o RJ:

    %https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/carnaval/2018/noticia/serie-de-assaltos-e-tiroteio-apavoram-moradores-na-zona-sul-do-rio-durante-o-carnaval.ghtml

    %https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/carnaval/2018/noticia/turistas-sao-vitimas-de-arrastao-em-frente-a-um-dos-hoteis-mais-luxuosos-do-rio.ghtml

    • Saporetti 12/02/2018 at 09:19

      TT = Turista TrouxA

    • Julio 12/02/2018 at 09:32

      Nem a polícia consegue aguentar o RJ, imagina turistas?

    • Neco 12/02/2018 at 10:11

      Com tanto lugar bonito no mundo o cara vai pro RJ.

      • Amy Rose 12/02/2018 at 10:22

        E mais barato né. Fazer turismo no Hell é caro.

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 09:38
    • Neco 12/02/2018 at 10:15

      Depois que um prédio desses cair, dai começam a fazer reformas.

      Porem suspeito que muitos desses prédios já estão condenados, pelo que vejo nas fotos , eles não tem telhado, é direto na lage e sem boa impermeabilização, isso da infiltração ao longo dos anos, quando a infiltração atinge os ferros vai corroendo de cima para baixo, e pode chegar a um ponto que não tenha mais como restaurar. (estou supondo, não tenho certeza, mas pelas fotos, esta complicado).

      • bolha buritis 12/02/2018 at 11:29

        Ou seja, teremos uma grande reforma ministerial.

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 09:54

    OFF

    Tá bom que, para quem tem menos de 50 anos, aposentadoria virou uma relíquia do passado.

    Mas esse texto mostra o “666 way of life” em estado puro. Eca!

    BOSHTA://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2018/02/12/internas_economia,659342/jovens-nao-se-planejam-para-aposentadoria.shtml

    • Saporetti 12/02/2018 at 09:57

      “Tudo por aqui é difícil. Quando a gente fica doente, só tem que rezar para passar logo. Há cerca de seis meses, tive um problema de saúde. Fui no HRAN, me mandaram para Sobradinho e, de lá, para o Paranoá. Acabei indo para uma clínica particular. O Brasil não tem solução e eu não quero ter uma vida precária”

    • Amy Rose 12/02/2018 at 10:19

      Pelo menos os jovens entrevistados trabalham. Se contabilizar os nem-nem, o cenário é ainda mais tenebroso. Agora, eu amei a piada do assessor especial do ministério do planejamento:

      “Entre os beneficiários do Bolsa Família, por exemplo, se vê que as taxas de escolaridade dos filhos e netos é bem maior. A nossa geração futura é cada vez mais preparada.”

      Papel aceita tudo né. Estão na escola, mas não aprendem nada. Grande parcela não sabe nem ler. Vi isso numa turma de 6º ano quando estagiei. Conheço muitas professoras de ensino fundamental, e o cenário relatado é: vão para escola somente para merendar e para não perder o bolsa família.

      • Mineirausfall 12/02/2018 at 10:26

        Essa “pérola” do ministro do Planejamento tem tudo a ver com o tópico. Viver de aparências.

        Aliás, coisa corriqueira em Bizarrília (antes isso se resumisse a políticos e aspones. Mas o povo também é triste).

      • Mineirausfall 12/02/2018 at 10:32

        E, com essa pseudo-instrução, esperar o quê dos jovens banalings? Cultura, então? Pode esquecer.

        Pelo que há de criaturas que tiveram uma instrução legítima, e fazem lambança, dá pra imaginar o que está por vir. O.O

        “Quem puder ir embora, que o faça.”

        • Amy Rose 12/02/2018 at 10:41

          Exato! conversava sobre isto com minha mãe ontem. Ainda que tivéssemos um governo ótimo, como lidar com essa massa de banalings completamente animalizada, tanto no sentido moral e educacional?

          • Mineirausfall 12/02/2018 at 10:52

            Infelizmente, seriam necessários quarenta anos de um governo “linha-dura”. Um “nanny state” hardcore. E, ao mesmo tempo, recompor os sistemas educacional e midiático (hoje, corrompidos).

            E isso, com o país falido.

            Nunca fui afeita a regimes de força, mas democracia só funciona com um povo “cabeça feita”.

            • Amy Rose 12/02/2018 at 11:01

              Exato! Um “vara de ferro” seria necessária (apocalipse 12:5)

              • windville 12/02/2018 at 11:13

                Falando nisso Amy já começaram as aulas? Esse ano chegam nas universidades os nascidos em 2000. Se puderes compartilhar no futuro alguns CVRs da sua percepção dessa geração.

  • Neco 12/02/2018 at 09:58

    Então , li tudo.

    Tem uma frase sem inicio:

    tância do mundo pós-moderno, em especial do Brasil e da América.

    Redator , confira por favor.

    A questão é seria, o texto é impressionante. Fica claro que o afastamento do homem de Deus é a raiz do mal. A mentalidade doentia é sim provocada por satanás, que Jesus Cristo muito bem avisou que só vem para roubar, matar e destruir.

    O que Trump está fazendo, em levar o natal de volta pra casa branca, e falar de Cristo, é o caminho, é isso que tem que ser feito. Essas forças do mal só podem ser combatidas com a palavra de Deus. Somente a palavra de Deus é que restaura a mente do ser humano, o resto é só um anestésico.

    Espero que o Mito entenda isso, que sozinho, sem Deus, não vamos a lugar algum.

    Temos uma grande desvantagem em relação aos americanos, lá a maior parte da igreja não é tão corrompida como aqui, isso faz muita diferença.

  • windville 12/02/2018 at 10:07

    Bom dia Folks,

    Mais um dia sem #PMJ, chuva aqui na divisa SC/PR quem desceu de ctba para o litoral tem pego só água na cabeça.

    Com esse clima de chuva nada melhor que ler esse tópico do AL.

    Sobre a economia a notícia do crédito fácil para veículos que foi falado acima praticamente 1/5 do que foi concedido a época deu ruim.

    E hoje na matriz, acho que a Vale curtiu isso!

    Trump apresenta nesta segunda nos EUA plano de infraestrutura de US$ 1,5 trilhão
    Fonte: http://hojeemdia.com.br/primeiro-plano/economia/trump-apresenta-nesta-segunda-nos-eua-plano-de-infraestrutura-de-us-1-5-trilhão-1.597289

    • Neco 12/02/2018 at 10:10

      Alarme de muita chuva ai no litoral para hoje.

      • Mineirausfall 12/02/2018 at 10:14

        Enquanto isso, no quadradinho das aparências, nada de chuva.

        • Amy Rose 12/02/2018 at 10:20

          Aqui no Hell também, um calor desgraçado durante o carnaval. Cenário perfeito para a desgraça: aglomeração, gente bêbada e calor.

          • civilizado 12/02/2018 at 10:34

            e tudo que eles querem..pra proliferar epidemias….e todos no oba,oba!!!

            • Neco 12/02/2018 at 11:00

              Normal, o povo quer pão e circo.

  • Neco 12/02/2018 at 10:09

    https://exame.abril.com.br/mercados/afinal-para-onde-vai-o-dolar-neste-ano-de-eleicao/

    Cada analista tem uma opinião diferente. Mas ninguém mais aposta em disparada, pode oscilar entre 3,10 a 3,4.

    Eu sou mai de ir a 3,10 do que a 3,40.

    • 300esparta 12/02/2018 at 10:12

      aqui no paraguai já está em 3,40…. 3,38-3,40… por ai.

      Semana retrasada chegou a 3,22 … ai voltou a subir

  • Bruno L 12/02/2018 at 10:11

    Será?

    “GHBR – REUTERS – SEGOVIA Um caso de Deep State?”

    http://www.defesanet.com.br/ghbr/noticia/28408/GHBR—REUTERS—SEGOVIA-Um-caso-de-Deep-State-/

  • Manco 12/02/2018 at 10:36

    CVR

    “Barulhinho” no telhado do vizinho durante a madrugada, mas não era um gatinho, era um vagabundo que fugiu, a PM está de parabéns, encostaram 3 viaturas em silêncio em menos de 5 minutos.

    • Saporetti 12/02/2018 at 10:37

      morar em casa é cada vez mais ariscado. pago condomínio pra ter pelo menos uma falsa sensação de segurança.

      • Manco 12/02/2018 at 10:45

        Eu tenho contato com grupos de 2 bairros aqui de SA, o negócio está tenso e sabemos como isso evolui, primeiro furtos simples, depois muitos a mão armada (já estão acontecendo), depois latrocínio e termina com um justiceiro fazendo a limpa de tempos em tempos. Não sei se você chegou a conhecer o japa da civil dos anos 90, começo de 2000, um baixinho de óculos que vivia de touca e fazia a limpa aqui na região.

        • AL 12/02/2018 at 10:49

          Todo bairro precisa de um japa desses.

  • Manco 12/02/2018 at 10:41

    Não estou gostando desses ataques ao Huck, ele seria o candidato ideal, deixa o cara se iludir, formalizar a candidatura e depois é só abrir fogo, vai ser engraçado de ver, é muita boshta nas costas do narigudo.

    • Mineirausfall 12/02/2018 at 10:43

      Hahaha… Like.

    • Final Countdown 12/02/2018 at 11:13

      Errado
      Tem que matar ANTES de nascer
      Tem que desanimar o establishment
      Tem que ruir qualquer sensação de união entre eles

      • civilizado 12/02/2018 at 11:29

        tn acho!!! cortar o mal pela raiz!!! pois será mais um a fazer trampa!!!

      • Manco 12/02/2018 at 11:30

        Ele já nasceu, só não está exposto, um combate eleitoral seria bom para expor e denegrir em rede nacional, cai Agora, Acredito, Huck, Angélica e um monte deles.

        • civilizado 12/02/2018 at 11:32

          não esqueçamos que faz pate de rede grroobuuu e ela está sim por trás do narigudo!!!

  • Neco 12/02/2018 at 10:49

    E no Ceará que normalmente não tinha carnaval em Fortaleza , agora já tem até da “organização”:
    http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/policia/online/67-pessoas-sao-detidas-em-carnaval-do-comando-vermelho-1.1893314

  • Amy Rose 12/02/2018 at 10:49

    Olha aí os vermelhinhos infiltrados no carnaval:

    https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/carnaval/2018/noticia/desfile-da-paraiso-do-tuiuti-tem-presidente-vampiro-de-destaque-e-ala-de-manifestantes-fantoches.ghtml

    Que moral tem um carnavalesco, financiado pelo dinheiro sujo do tráfico e contravenção, para criticar? Ainda mais para defender um governo (do qual Temeroso era parte) que jogou o Br na lama, em todos os sentidos Sinceramente, como gostaria que a lei roubanet acabasse e a teta desses “promotores culturais” secasse

    • AL 12/02/2018 at 10:55

      Mito já falou que vai acabar, vai ser lindo.

      • Amy Rose 12/02/2018 at 10:58

        Aguardo ansiosamente este dia! Deveria ser o primeiro decreto dele.

    • civilizado 12/02/2018 at 11:04

      não estou acompanhando.mas acho que não vi em tema sobre o ladrão mula e seus comparsas…

  • civilizado 12/02/2018 at 10:53

    SOBRE O TÓPICO!…A primeira parte do texto demostra realmente como o povo americano decaiu culturalmente …e como as nossas universidades estão mui abaixo do que era….o povo americano decaiu porque realmente acham que continuam esses últimos presidentes com as mesmas ideologias e valores e princípios dos grandes presidentes que por lá passaram , sqn!!…..os grandes grupos ocultos de mui poder tomaram conta e é notório a diferença nesses últimos anos por lá…e aqui em nossas universidades entrou a politica dos comunas ….que doutrinou os professores , hoje esses estão passando o bastão dessa cultura para osnovos profissionais..e aeeeee está como está!!! só realmente um presidente como o Trump e como o Bolssonaro pra tentar mudar isso daí…

    • civilizado 12/02/2018 at 11:01

      Aquele filme idiocracia ….saiu da tela para a realidade…bem eles avisaram através deste filme…mas sabe como é!!! a grande maioria não leva a sério….

  • AL 12/02/2018 at 10:54

    Muito obrigado Neco, corrigido, shift +f5.

    • Neco 12/02/2018 at 10:57

      Por nada.

  • Neco 12/02/2018 at 10:57

    https://drive.google.com/drive/folders/19dMfC7dx0AwIIzxralsncMCuIpWmdeJW

    Esse documento é uma petição sobre a apuração dos votos. O que vcs acham disso?

    Esta rodando no face.

  • AL 12/02/2018 at 10:58

    Bom dia amigos!

    Tks aos leitores!!!

    • Floyd 12/02/2018 at 11:01

      Dia AL!

    • civilizado 12/02/2018 at 11:02

      bom dia belo tópico!!..mui longo …mas dá pra ler…não li todo ainda, rsrs

      • AL 12/02/2018 at 11:34

        Ele é muito, é praticamente um manual!

        • bolha buritis 12/02/2018 at 11:35

          Excelente AL, bom dia.

          • AL 12/02/2018 at 11:42

            Bom dia BB!

  • Floyd 12/02/2018 at 11:00

    Cvr
    Em um bairro semi-quebrada daqui, um vagabundo estacionou o carro e perguntou para um morador aonde comprava drogas por ali.
    O morador respondeu que ali se tratava de uma casa de uma família de bem, e achando que iria intimidar o cara, disse que policiais moravam nas proximidades.
    Feito, o mala saca um revólver e descarregou em cima do morador, sorte que os tiros pegaram de raspão.

    • civilizado 12/02/2018 at 11:07

      hummmm. estranho…será que esse mala não foi com intensão de atirar nesse sujeito?!

      • Floyd 12/02/2018 at 11:09

        Sei lá, só sei que a malandragem anda bem folgada.

        • AL 12/02/2018 at 11:35

          Eles sabem que as pessoas estão desarmadas.

          Esse é o problema!

  • From_The_Tower 12/02/2018 at 11:13

    Olha o contrato que dizem ser de empresa ligada ao Tucano Huck
    https://www.bndes.gov.br/SiteBNDES/bndes/bndes_pt/Galerias/Convivencia/Consuta_operacoes/consulta_unificada.html?cpfcnpj=05808154000128&nome=&operacao=operacao_indireta

    Brisair Serviços Técnicos e Aeronáuticos LTDA

    • From_The_Tower 12/02/2018 at 11:15
      • From_The_Tower 12/02/2018 at 11:15

        Com 114 meses de carência é a mesma coisa que dar o jatinho e ainda dar chance de ganhar muito dinheiro com a arbitragem dos juros.

        • civilizado 12/02/2018 at 11:25

          imagina…quando ele se lançar de fato!!!kkkkkkkkkkkk..esse narigudo é contraventor !!!!!!!! ele já fazia trapaça naquele quando lata velha!!!

          • civilizado 12/02/2018 at 11:25

            quadro*

    • Final Countdown 12/02/2018 at 11:15

      E tu acha que eu vou conferir?
      Quero mais a fake news agindo a favor do desmanche da esquerda

      • From_The_Tower 12/02/2018 at 11:17

        Eu prefiro conferir.
        A verdade sempre.

        • Final Countdown 12/02/2018 at 11:32

          Entre eles, que se devorem
          Não perco meu tempo com eles não. Não há verdade entre eles

          • From_The_Tower 12/02/2018 at 11:39

            Quero que se explodam
            quanto mais o tucanos se queimarem melhor
            pois foram justamente esses patifes que acobertaram o PT por décadas.

          • Final Countdown 12/02/2018 at 14:35

            Eu estou achando que a permissividade da frsta momesca se estenderá para além do seu tempo determinado pelo estado. O Caos na zona sul do HELL vai perdurar por muito tempo
            Aquele povo não vai andar pelas nobres ruas do lebrão com tranquilidade por um bom tempo

  • Fênix 12/02/2018 at 11:14

    dautonico
    Bom dia amigos da rede bolha…
    Venho por meio deste comunicar a liquidação das minhas operações em moeda estrangeira.
    </blockquote
    Rapaziada, a hora de encher a latinha é agora!

    Bom dia 300!
    To no cap. 3, ta magnífico o texto. Sem dúvida, um dos melhores que li neste blog mequetrefe ate hj 🙂

  • Saporetti 12/02/2018 at 11:17

    27 graus e não é nem meio dia ainda…amanhã o tempo muda…graças a Jeová…

  • Johnnyboy 12/02/2018 at 11:19

    Bom dia 300!

    Isso aqui é importantantíssimo:

    Bruno L 12/02/2018 at 10:11
    Será?
    “GHBR – REUTERS – SEGOVIA Um caso de Deep State?”
    http://www.defesanet.com.br/ghbr/noticia/28408/GHBR—REUTERS—SEGOVIA-Um-caso-de-Deep-State-/

    • Final Countdown 12/02/2018 at 11:31

      Achei muito comprometedor
      Em qualquer lugar sério, um deles deve ser punido

  • Saporetti 12/02/2018 at 11:23

    Vizinha não lembrou de verificar o quadro de energia…chamou um daqueles aqueles Get Ninjas (eletricista)…o cara chegou e verificou o problema da falta de energia e cobrou a bagatela de 150 temers…E AINDA PEDIU PRA VELHA DAR 5 ESTRELAS NO SITE…

  • Final Countdown 12/02/2018 at 11:26
    • Saporetti 12/02/2018 at 11:27

      HELL sendo HELL

    • civilizado 12/02/2018 at 11:27

      sinceramente não sei como que tiroteios apavoram moradores do hell…já faz parte do dia-a-dia deles a mui teeeeemppooo!!!

      • AL 12/02/2018 at 11:38

        Aqui quem é malandro, mesmo, se abaixa até com barulho de cabeção de nego…

        • civilizado 12/02/2018 at 11:40

          kkkkk…é foda!!!

          • civilizado 12/02/2018 at 11:55

            e povo que trabalha honestamente é quem sofre , até quando se diverte!!!

    • Manco 12/02/2018 at 12:22

      Isso na Vieira Souto, imagino como deve ter sido em Copa, gostei do relato do gringo, “ontem tentaram nos bater, hoje fui assaltado e apanhei e estou só no 2º dia no Hell”.

      • AL 12/02/2018 at 12:29

        Porra, isso é tópico kkkkkkkkk

  • bolha buritis 12/02/2018 at 11:39

    Bom dia BOB

    • AL 12/02/2018 at 11:43

      Bom dia BB!

      • bolha buritis 12/02/2018 at 11:46

        Bom dia AL, lendo no momento o cap III

  • civilizado 12/02/2018 at 12:00

    Economista propõe a Bolsonaro mandato de 4 anos para o BC, diz jornal Por – Para tornar o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) mais palatável ao mercado, o economista Paulo Guedes propôs um plano liberal ao candidato, que costuma defender uma política nacional-desenvolvementista, de viés estatizante. Entre as propos
    http://www.valor.com.br/politica/5319095/economista-propoe-bolsonaro-mandato-de-4-anos-para-o-bc-diz-jornal

    • AL 12/02/2018 at 12:06

      O que o cara mais fala é em privatização.

      Chora fake news.

  • Knight-Doc 12/02/2018 at 12:04

    Salve, 300! DEUS VULT…

  • Knight-Doc 12/02/2018 at 12:05

    Duas palestras do saudoso Prof José Monir Nasser sobre EDUCAÇÃO (aplicação dos métodos próprios para assegurar a formação e o desenvolvimento físico, intelectual e moral de um ser humano!)… e como sempre, BRILHANTE!

    José Monir Nasser – Mortimer Adler – A Deterioração da Escola Americana – parte 1/2
    Mental Food
    https://www.youtube.com/watch?v=kCM6vye3zRM&t=3947s

  • windville 12/02/2018 at 12:19

    Foi-se!

    Caminhoneiro atropela e esmaga criminosos que pretendiam assaltá-lo em Goiás
    Fonte: https://ndonline.com.br/florianopolis/coluna/helio-costa/caminhoneiro-atropela-e-esmaga-criminosos-que-pretendiam-assalta-lo-em-goias

    • Final Countdown 12/02/2018 at 12:23

      ainn

      CAMINHÃO OPRESSOR

      • Qwerty 12/02/2018 at 12:24

        Deveriam proibir caminhoes!
        Alo governo!

    • 300esparta 12/02/2018 at 12:25

      Já chegou no Brasil os caminhão Mohamed????

    • civilizado 12/02/2018 at 12:31

      tão lá no inferno no carnaval, fantasiados de panquecas!!!

    • Julio 12/02/2018 at 12:41

      Tudo errado. Empresário do ramo de cargas tortura e mata cruelmente SUSPEITOS em Goiás. (By G1)

      • Qwerty 12/02/2018 at 12:47

        Suspeitos nao. Vitimas da sociedade que sairam pra trabalhar e exercer sua profissao de assaltante legitimamente!

  • Final Countdown 12/02/2018 at 12:30

    Dono da Riachuelo não tem interesse em Bolsonaro
    Economia 12.02.18 12:05
      
    O Antagonista apurou que Flávio Rocha, dono da Riachuelo, não tem interesse algum na campanha de Jair Bolsonaro.

    O empresário teve conversas telefônicas com auxiliares do deputado, mas chegou à conclusão de que “a agenda de Bolsonaro, do ponto de vista de mercado, é completamente estatizante”.

    HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUHAUHAUHAUHUAHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHUAHUAHUAHUAHUAHUAUAHUAHUAHUAHUAHUAUHUHAUHAUHUAHUAHUAHAUHAUHAUHUAHUAHAUHAUHAUHUAUAHHUAHUAHAUHAUHAUHAUHA

    é completamente estatizante

    é completamente estatizante

    é completamente estatizante

    DIREITA DELIRANTE, huhuahauhauhauha

    • AL 12/02/2018 at 12:31

      Muito desespero kkkkkk.

      • AL 12/02/2018 at 12:33

        Ainnnnn ele quer privatizar no modelo da Embraer, não poderemos comprar por 1 real!!!

        Estatista, facista, maquinista!!!

    • Neco 12/02/2018 at 12:47

      Interessante, só porque o cara tem umas lojas, pensa que todos devem se curvar as suas ideias.
      Esse não vai a lugar algum.

      • Final Countdown 12/02/2018 at 12:49

        a POHHAAA dosantagonizantes hoje está aparelhada pelo MBL. Só notícia tendenciosa contra o Bolsonaro.

        1. fala que o Mito não falou com o cara
        2. depois fala que o cara chamou o mito de estatizante. POHHHHAAA! nunca viu e conversou e sai falando por aí baseado em quê?
        tudo noticia plantada hoje

        • Knight-Doc 12/02/2018 at 12:50

          Lá só salva o Felipe Moura Brasil… resto é tudo vermelhinho metido a liberal… 😀

        • PapiranteSalg 12/02/2018 at 13:32

          PapiranteSalg 23/11/2017 at 14:03

          Como essa imprensa gosta de ser filha da puta e assassinar reputações, sejamos um pouco também.

          Problema com a newsletter

          “Prezados leitores,
          Não conseguimos distribuir a nossa newsletter. A Webcitizen, parceira do Antagonista, está tentando resolver o problema.”

          “https://www.oantagonista.com/brasil/problema-com-a-newsletter/

          Entre os criadores da Webcitizen, parceira do Antagonista, figura um cidadão chamado Paulo Vasconcelos.

          Como a Webcitizen está usando a tecnologia para reinventar o exercício da cidadania no país

          “a empresa criada em 2009 pelos mineiros Helder Araújo, Fernando Barreto e Paulo Vasconcelos acaba de lançar dois novos projetos.”

          “http://projetodraft.com/webcitizen/

          Acontece que esse cidadão chamado Paulo Vasconcelos foi marqueteiro de Aécio Neves e figura em delação da Odebrecht.

          Aécio contrata Paulo Vasconcelos para coordenar marketing da campanha

          “O senador Aécio Neves (MG), pré-candidato do PSDB à Presidência da República, fechou no início desta quarta-feira (26) a contratação do marqueteiro Paulo Vasconcelos.”

          “Vasconcelos já trabalhou diversas vezes com o mineiro. Em 2002 e 2006 fez suas campanhas ao governo de Minas, ambas vitoriosas. Em 2010 coordenou as campanhas de Aécio ao Senado e Antônio Anastasia ao governo de Minas.”

          “http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/02/1418201-aecio-contrata-paulo-vasconcelos-para-coordenar-marketing-da-campanha.shtml

          Delação da Odebrecht: Paulo Vasconcelos é suspeito de corrupção e lavagem de dinheiro

          “O marqueteiro do senador Aécio Neves (PSDB), Paulo Vasconcelos, é investigado no inquérito que apura repasses de R$ 1,8 milhão e de R$ 5,47 milhões que teriam sido feitos pela Odebrecht para a campanha do hoje senador Antonio Anastasia (PSDB) ao governo de Minas, a pedido de Aécio. Paulo Vasconcelos é suspeito de corrupção passiva e ativa, além de lavagem de dinheiro.”

          “https://g1.globo.com/minas-gerais/noticia/delacao-da-odebrecht-paulo-vasconcelos-e-suspeito-de-corrupcao-e-lavagem-de-dinheiro.ghtml

          E segundo o delator Henrique Valadares, Aécio recebeu R$ 30 milhões em propina no exterior. Um dos destinatários da propina seria Alexandre Accioly.

          Aécio recebeu R$ 30 milhões em propina no exterior, diz delator

          “O delator afirmou que um dos destinatários da propina foi o empresário Alexandre Acciolly, dono da rede de academias Bodytech. Segundo Valadares, os pagamentos eram mensais e giraram entre um a dois milhões de reais.”

          “http://veja.abril.com.br/brasil/aecio-recebeu-r-30-milhoes-em-propina-em-contas-no-exterior/

          O interessante é que o mesmo Henrique Valadares cita Diogo Mainardi em sua delação dizendo que o viu jantando com Aécio e Accioly.

          Diogo delatado

          “Eu, Diogo, fui citado pelo delator Henrique Valladares.
          Ele disse que me viu no restaurante Gero, do Rio de Janeiro, jantando com Aécio Neves e Alexandre Accioly.
          Isso é mentira. O jantar nunca ocorreu. Cruzei com os dois no Gero – mais de uma vez – e sempre os cumprimentei.”

          “https://www.oantagonista.com/brasil/diogo-delatado/

          E é bacana ver que quando há algo parecido envolvendo Temer e Reinaldo Azevedo, o cidadão fala em conspirata, que há uma “pinguela que une a ORCRIM peemedebista, uma parte do STF e seus porta-vozes na imprensa”, mas no caso dele com Aécio, não há problema. Será que não há também uma pinguela que une a ORCRIM psdbista e seus porta-vozes na imprensa?

          A conspirata de Temer, STF e imprensa

          “Michel Temer, em viagem recente a São Paulo, despistou a imprensa e foi visitar Reinaldo Azevedo em seu apartamento.

          O encontro só foi revelado porque jornalistas gostam de contar vantagem para outros jornalistas.

          Há uma pinguela que une a ORCRIM peemedebista, uma parte do STF e seus porta-vozes na imprensa.”

          “https://www.oantagonista.com/brasil/a-conspirata-de-temer-stf-e-imprensa/

          Seria essa conspirata a explicação para o puxa-saquismo pró-PSDB, Doria e agora Huck das Antas?

          Lembremos que Huck anda de mãos dadas com Accioly e Aécio.

          • AL 12/02/2018 at 13:35

            ???????????

          • civilizado 12/02/2018 at 14:51

            o huck…não vinga!!!.já era!!!

        • PapiranteSalg 12/02/2018 at 13:42

          E essas conversas particulares de Mainardi com políticos esquerdistas não parece ser tão incomum. Conversa do anta com José Serra é exposta no wikileaks.

          “2. (SBU) During a private January 12 lunch, prominent Veja magazine political columnist Diogo Mainardi told Rio Principal Officer that Mainardi’s recent column proposing Green Party (PV) presidential candidate and former Lula environment minister Marina Silva as the ideal vice presidential candidate on Jose Serra’s (PSDB) ticket was based on a long conversation between Serra and Mainardi, in which Serra said Marina Silva would be his “dream running mate.” Serra outlined in that conversation with Mainardi the same advantages
          that Mainardi later listed in his column: Marina’s life story and impeccable leftist credentials would trump Lula’s personal appeal to poor Brazilians and place Dilma Rouseff (PT) at a disadvantage with the left, while helping Serra mitigate the association with the government of Fernando Henrique Cardoso which Lula/Dilma hope to use as a point of attack in the campaign.”

          “3. (SBU) On a more realistic level, Mainardi indicated to PO that Minas Gerais Governor Aecio Neves told Mainardi earlier this month that Neves remains “completely open” to the possibility of running as vice presidential candidate with Serra. (Note: On December 17, 2009 Neves officially terminated his “pre-candidacy” for the Presidency and indicated he had no interest in running for vice president – reported reftel. End Note). Despite Neves’ public statements that he will run for Senate, Mainardi said Neves plans
          to wait for a scenario in which PSDB, perhaps by March, asks Neves to join the ticket, to assure the strongest possible chance against Dilma. Neves’ own ambitions and his inextricably linked desire not to be a spoiler for the PSDB in the coming race would lead Neves to join the ticket, in Mainardi’s opinion.”

          https://wikileaks.org/plusd/cables/10RIODEJANEIRO32_a.html#

  • Manco 12/02/2018 at 12:30

    Só o Jatinho do BNDES do Luciano Huck vale mais que 30 anos de toda a família Bolsonaro.

    Autor desconhecido

    • civilizado 12/02/2018 at 12:32

      kkkk

    • civilizado 12/02/2018 at 12:34

      o huck…não vai levantar vôo!!! não resisti!!kkkkkkkkkkk

      • Final Countdown 12/02/2018 at 12:36

        vôo de angélica, ops… galinha

  • Julio 12/02/2018 at 12:32

    Vejam essa cena do Carnaval do Rio, em pleno dia e em público, e tirem suas conclusões:

    https://twitter.com/FatosEsquerda/status/963040433386541057?s=09

    • Final Countdown 12/02/2018 at 12:38

      isso aqui já foi há muito tempo
      eu odeio esse lugar

    • civilizado 12/02/2018 at 12:38

      sodoooomaaaaa!!!!

    • civilizado 12/02/2018 at 12:50

      se a policia fosse atuante..massssss não é !!! por isso que está como esta!!! esses 2 iriam presos é crime..atentado ao pudor!!!! se é proibido até de mijar na rua!!!!cadê a puliça!!

  • O Barão 12/02/2018 at 12:36

    CVR
    Os vizinhos estão escandalizados, uma fofocaiada, vieram contar pra minha esposa.
    Ontem foi o velório de um morador antigo aqui do bairro (não conhecia), e no velório mesmo ocorreu uma discussão entre a ex-mulher e a atual junto com a Filha por causa do cartão do banco.
    Bananense é dinheirista mesmo, nem enterraram o morto e já ficam como ratos, brigando pelas sobras.

    • Julio 12/02/2018 at 12:42

      Se a conta tivesse no vermelho, a briga seria para ver quem não ficaria com o cartão.

      • Neco 12/02/2018 at 12:44

        Mas alguém conferiu o saldo?
        Já ouvi estórias que quando foram ver não tinha nada.

    • civilizado 12/02/2018 at 12:51

      nessas horas discutem até pela cueca do finado !!!!

  • Archimedes 12/02/2018 at 12:51

    E não houve crise no Brasil em 2008… Só estava sendo construída uma crise bem maior

    Essa avalanche de crédito chegou em condições inéditas. Clientes sem histórico bancário conseguiam financiar um carro zero sem entrada e com prazo que superava oito anos.

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,farra-do-credito-de-veiculos-gerou-rombo-de-r-22-8-bi-para-bancos,70002186921

    • Final Countdown 12/02/2018 at 12:56

      eles que não fizessem crédito
      se eu que nunca soube economia sabia que a dar mrda, eles que se fodam.
      aliás, isso é lucro de UM ANO do Itauhhhhhh. já refizeram o caixa há muito tempo.

      • Archimedes 12/02/2018 at 13:04

        Olha isso, a história do gráfico que comprou um possante (Celta 1.0)

        Aprendizado. “Zero km com zero entrada e zero IPI”. A placa colorida com tantos zeros instalada em uma concessionária atraiu Jefferson Silva. Era 2011 e o gráfico fez as contas. O resultado foi comemorado: com o salário, dava para comprar um carro novinho.

        “Nem pesquisei muito. Entrei em duas concessionárias e fechei negócio na terceira”, lembra.

        Sem nenhum real de entrada, Silva saiu da revenda dirigindo um Celta 1.0 preto com ar quente, direção hidráulica, travas e vidros elétricos. Por tudo isso, se comprometeu com 70 parcelas mensais de R$ 819,03. O contrato mostrava uma dívida de R$ 57.332,10, mas a chave era de um carro que, zero, valia R$ 32 mil.

        O carro era perfeito para o trajeto de mais de 40 quilômetros entre a casa na zona leste da capital paulista, até o trabalho, na zona sul. “Era bem mais rápido.” Ele levava pouco mais de uma hora no trajeto que ultrapassava duas horas no transporte público. “Também percebi, rapidamente, que estava em uma encrenca. Só de gasolina gastava quase R$ 600 por mês. Não imaginava tudo isso”, conta Silva.

        O grande baque ocorreu três meses depois, quando ele se envolveu em um acidente. Felizmente, não se machucou. Mas o que doeu foi a conta de R$ 2,2 mil para pagar a franquia do seguro. “Quando você compra um carro, acha que é só entrar e pagar a prestação. Não era.”

        O gráfico apertou as contas e continuou pagando a dívida por três anos. Após a 37.ª parcela, jogou a tolha. Tentou a internet, mas não conseguiu vender o carro. Tentou transferir a dívida e pediu R$ 3,5 mil a quem se comprometesse a pagar as 33 parcelas restantes. Não houve interessado. No fim, o único caminho foi uma revenda de carros usados.

        Pelo Celta 2011 que havia consumido R$ 30.304 do gráfico, a concessionária ofereceu exatos R$ 19,5 mil. “Liguei no banco para ver quanto era para quitar a dívida e eles pediram R$ 19 mil. Fechei negócio e fiquei com R$ 500 no bolso”, lamenta. “Foi como se eu tivesse alugado aquele carro por três anos.”

        • Saporetti 12/02/2018 at 13:05

          Alugar sempre, comprar? Só se for uma oportunidade REAL!!!

    • Manco 12/02/2018 at 13:12

      É parte do custo do carro no Brasil, vários deles são bancos da própria montadora.

  • civilizado 12/02/2018 at 13:07

    KKKk…o cara pirou!!!
    Violência
    Presidente filipino diz que pedirá tiro ‘na vagina’ de mulheres terroristas

    Duterte afirmou que, sem vagina, elas ‘seriam inúteis’; ONGs protestam.

    • Kurt 12/02/2018 at 13:26

      Esse se reelege.

    • Balduino IV 12/02/2018 at 13:28

      Powrra o bicho o brabo

    • AL 12/02/2018 at 13:34

      Se o Bolsonaro trouxer essa porra pra cá, e falar que terrorista vai tomar tiro no cu, a esquerda acaba em três dias…

      • 300esparta 12/02/2018 at 13:37

        mas é ai que eles vão gostar…
        Se lembra do macaquinhos??? eoaiheoaihaeio

    • Kurt 12/02/2018 at 14:13

      Discordo. Sem vagina elas ainda seriam “úteis”

      • 8º Passageiro 12/02/2018 at 14:14

        Sim, concordo, deves cortar da barriga para baixo.

        • Kurt 12/02/2018 at 14:16

          Sei não…Sempre sobra um orifício…

  • Pobre Paulista 12/02/2018 at 13:22

    FIRST

    Ninguém trabalhando hoje, é?

    • Kurt 12/02/2018 at 13:23

      Bom dia.
      Não.

    • civilizado 12/02/2018 at 13:25

      o probi trabaia….kkkk

    • 300esparta 12/02/2018 at 13:33

      eu to trabalhando no Brasil e no Paraguai.

      Feriado não existe mais na minha vida oehiaehioe

      Só dia 01 do ano e natal… de resto ou abre aqui, ou abre ali.

      • Pobre Paulista 12/02/2018 at 13:44

        KKK vero

        Eu aproveitei o feriado para estudar… Estou atrasado com a pós, tenho que correr senão estoura os prazos

  • Balduino IV 12/02/2018 at 13:27
    • Knight-Doc 12/02/2018 at 13:34

      Protocolo (agenda do Presidente) apenas…

  • 300esparta 12/02/2018 at 13:40

    Sobre o Duterte… ele pode usar essa tática aqui, aliás, eu acho que ele usa isso… e acho que é o certo:

    You can’t kill enough to win? Think again! YOU MUST READ THIS ARTICLE!
    via USNI Blog.

    If we train for and fight a war against an opponent such as Russia or China in the same way as we are now fighting in Afghanistan or Iraq, we will get our butts handed to us. Warriors get called in to fix things quickly at the lowest echelon possible when the diplomats fail, not to dabble in diplomacy. Our sole concern should be finding the enemy and killing him as quickly and efficiently as possible. That’s it. Wonderfully simple in concept, it worked for hundreds of years for the Romans, yet some in our ranks today thrive on making things more complicated and difficult than they need be.

    There is nothing new about insurgencies. Moreover, we are the insurgents in Afghanistan, not the counterinsurgents. To suggest otherwise is painfully arrogant and ignorant of the British and Russian misadventures in that country. We ought to have done as suggested by noted author, military historian, and Korean War veteran Beven Alexander, who in his 1995 book The Future of Warfare called for the use of overwhelming force to end resistance by eliminating the enemy’s intelligence, communication critical nodes, and supply structure; by killing or capturing their leaders and then leaving. And if the conduct that led us to attack them arises again, we must do it again and again, until they stop. Nation-building will fail in cultures that are fundamentally different from ours, such as the honor-killing tribal cultures of Afghanistan. Permanent war has never been a laudable goal for anyone other than defense contractors. We ought to stop worrying about ISIS recruiting or whether the populace will like us. As Patrick McCrory points out in The Fierce Pawns concerning the First British Afghan Campaign, “They will never like us.”

    Let battalion-level commanders focus on the close fight. If we overwhelmingly and consistently win the close fight, recruiting will no longer be an issue. Most people don’t want to join a team that is consistently on the losing end.

  • Knight-Doc 12/02/2018 at 13:52

    Bons artigos sobre EDUCAÇÃO…
    http://rafaelfalcon.com.br/artigos/

  • Knight-Doc 12/02/2018 at 14:01

    Dois sentidos de “cultura”
    http://rafaelfalcon.com.br/artigos/dois-sentidos-de-cultura/

    A página do Ministério da Cultura no Facebook compartilhou recentemente uma mensagem catequética que afirmava: “funk é cultura, sim”. A mensagem faz parte de uma campanha intitulada “Dialoga, Brasil”, que supostamente se destina a livrar os brasileiros de seus terríveis preconceitos. Mas o Ministério da Cultura sabe que está usando a palavra “cultura” numa acepção diferente daquela em que o povo, ao negar ao funk esse estatuto, se fundamenta; a catequese governamental não é senão mais uma tentativa de obliterar um sentido da palavra, de modo que não mais seja possível distinguir obras de arte de produções vulgares.Quando Cícero usou o termo em contexto intelectual pela primeira vez, tratava-se de metáfora: a expressão cultura animi, o “cultivo do espírito”, insinuava que a alma humana era como que um campo a ser arado, semeado, cuidado, até que, enfim, nos desse seu fruto – a filosofia. Uma palavra de mesma raiz, cultus, já era associada não exatamente à vida de estudos, mas à religião, que é sua parente. O conceito era de “cuidado com os deuses” (cultus deorum), e implicava também uma relação com o cultivo da terra. A religião precisa ser cultivada para crescer e dar frutos na alma.

    Não é difícil perceber o abismo entre essa noção e a “cultura” em sentido antropológico, como nas expressões “cultura nacional”, “cultura empresarial” etc. Nesse caso, dizem os especialistas, a cultura é um “sistema de crenças, costumes, valores, artefatos e comportamentos”. Para Cícero, ela era uma atividade, um rito; para nós, é um sistema. Há muito significado nesta diferença. É por meio dela que se compreende como o Ministério da Cultura equipara funk e Villa-Lobos.

    Uma tradição, por exemplo, como o Terno de Reis é cultura de ambos os pontos de vista; mas, enquanto nós a chamamos assim meramente porque é algo “que o povo faz”, o homem antigo lhe daria esse nome por presumir que, ao participar da celebração, sofre-se alguma espécie de melhora espiritual. É a diferença entre um sistema comportamental e o cultivo da alma; entre maquinário e humanidade.

    E embora seja aceitável, no sentido clássico, dizer que o Terno de Reis possui valor cultural, o funk só pode ser anticultural. A participação rotineira nos chamados “bailes” inclina o homem à histeria, à dispersão intelectual e sabe-se lá quantos outros vícios; para falar segundo a metáfora ciceroniana, o rito destrói o campo, em vez de cultivá-lo. De modo geral, pode-se dizer que esse é o efeito da “cultura de massas”, mesmo em suas manifestações mais aceitas pelo público médio: por sua própria natureza, ela se inclina aos mais baixos instintos humanos, pois, ao satisfazê-los, adquire popularidade; mas (como costuma ocorrer nos organismos vivos) é precisamente por satisfazê-los que ela os estimula. O resultado é que, ao longo do tempo, seus produtos vão ficando piores, e o público também.

    Se é verdade, porém, que alguns costumes populares podem receber o estatuto de “cultura”, até que ponto podem eles ser comparados às mais elevadas produções do espírito humano? Em outras palavras, qual é a diferença entre cultura e alta cultura?

    • civilizado 12/02/2018 at 14:43

      Well,well…..num pais que elege a anita como persona do ano……..

  • Francisco Quiumento 12/02/2018 at 14:05

    Boa tarde, mizifios!

    “Estavam os incautos e os imprudentes em suas carnais festivas, e o POFRETA bebia para comemorar a solidez e precisão de suas POFRECIAS.”

    ‘Farra’ do crédito de veículos gerou rombo de R$ 22,8 bi para bancos

    (Já publicado acima.)

    Vigiai, pois o estoque de imóveis nos bancos e nas destrutoras ainda não manifestou-se como o colossal NABO que é em termos de bem analisado balanço!

    ELA VIRÁ MAIS FORTE, MIZIFIOS! ELA JÁ ESTÁ ENTRE NÓS!

    Benças!

    • 8º Passageiro 12/02/2018 at 14:11

      Caríssimo Pai Xicão.

      Em vossas santas epístolas dá a entender que nossos banCUs tão sólidos, poderiam ser comparados à enormes imobiliárias?! Assim então existiriam as:

      Itaú Imóveis.

      Bradescasa.

      SantanderHome.

      Casa do Brasil.

      ???????????????????

      • Francisco Quiumento 12/02/2018 at 14:16

        Na verdade, quem tem uma exposição COLOSSAL ao problema dos imóveis é a CEFu.

        Os bancos privados e mesmo o BB foram bem mais comedidos no problema, e NÃO abraçaram a desgraça das incorporadoras/construtoras.

        Acredito que eles tenham mais problema nos financiamentos de capital de giro das construtoras que no financiamento dos imóveis.

        E qual a variável que tomo para sustentar isso de maneira direta e simples?

        Alavancagem, que nos bancos mantém-se abaixo dos prudentes 1/9 e na CEFu chega a passar dos 1/34.

        Detalhe: percebo em São Paulo, por exemplo, a relativa raridade de placas de “obra financiada pelo banco tal”, e quando elas existem, são normalmente empreendimentos de melhor qualidade, em boas localizações (atenção, em tratando-se de Banânia, NÃO RIAM DISSO!) e claramente muito bem analisados antes do crédito específico ser concedido.

        • Pobre Paulista 12/02/2018 at 14:35

          A bem da verdade existem muitos terrenos bons ainda em SP para serem incorporados.

          Quem tem bala na agulha não tá nem aí pra bolha ou não, querem mais é pegar os terrenos, nem que seja só para que o concorrente não o pegue antes.

        • civilizado 12/02/2018 at 14:47

          heheehe Quiumento!!!! além da caixa tem tb o não menos estimado BNDES…nem começou por lá ainda…….lá vai ser profuuuuuunnndooo!!!

        • Neco 12/02/2018 at 17:14

          E tem gente comprando, para investimento.

          Não tem como o preço se manter, teremos correção monstra. Ou no valor nominal ou por inflação ao longo do tempo.

  • Final Countdown 12/02/2018 at 14:35

    Eu estou achando que a permissividade da frsta momesca se estenderá para além do seu tempo determinado pelo estado. O Caos na zona sul do HELL vai perdurar por muito tempo
    Aquele povo não vai andar pelas nobres ruas do lebrão com tranquilidade por um bom tempo

  • Libertario 12/02/2018 at 14:49

    Sugestão de leitura.
    SPOILER: se ilude quem lê o título e acha que serão apenas elogios.

    Quem é Jordan Peterson, o intelectual mais influente do mundo?

    http://www.gazetadopovo.com.br/ideias/quem-e-jordan-peterson-o-intelectual-mais-influente-do-mundo-3581u1nmrn5m5fn52w9ck9cj9

    • civilizado 12/02/2018 at 15:01

      na atualidade…não tem pra ninguém…esse cara é da mais!!! os “intelectuais” da esquerda…tem meeeedo enorme de debater com ele..pois ele destrói qq bandeira levantada no meio sobre o comportamento do serumano!!!

    • Knight-Doc 12/02/2018 at 15:26

      Parece q o cara resolveu ser o G.K. Chesterton do novo milênio… será? Papirante pira 😀

  • Floyd 12/02/2018 at 14:57

    Hoje pelo Facebook vi imagens de membros da Direita SP espancados, e a turma do Lênin fazendo chacota,os chamando de “direita de condomínio”.
    Fui ver que a página da Direita SP não foi excluída como a de Minas, mas segue aí a nota da DSP sobre o incidente
    https://direitasaopaulo.wordpress.com/2018/02/12/antifa-diz-sobre-o-dsp-que-matar-este-tipo-de-lixo-e-questao-de-higiene/

  • Fênix 12/02/2018 at 14:58

    Hahahaha…..Canal Hipocritas mandando bem no Carnaval….
    https://www.youtube.com/watch?v=B6FTAMkGDnI

    • Neco 12/02/2018 at 16:59

      uau… não sabia disso.

    • Pobre Paulista 12/02/2018 at 17:09

      Prefiro ensinar python kkkkk

      • Knight-Doc 12/02/2018 at 20:21

        Cada um faz o q quer c/ suas crianças… num “mundo” onde criança é obrigada a estar numa escola, não é mesmo?

  • Kurt 12/02/2018 at 15:35

    Libertario
    Sugestão de leitura.
    SPOILER: se ilude quem lê o título e acha que serão apenas elogios.
    Quem é Jordan Peterson, o intelectual mais influente do mundo?
    http://www.gazetadopovo.com.br/ideias/quem-e-jordan-peterson-o-intelectual-mais-influente-do-mundo-3581u1nmrn5m5fn52w9ck9cj9

    Ele não é filósofo, é neurocientista.A sua premissa é de fundamentar o que já se teorizava com a psicologia evolutiva, com dados estatísticos.Por isso a lógica dele é irrefutável, objetiva e inteligível , ao contrário de determinados filósofos.

    • Kurt 12/02/2018 at 15:46

      A resposta é para o doc, que fazia uma comparação com Chesterton.Não dá para comparar. Peterson é cientista.

      • Knight-Doc 12/02/2018 at 16:25

        E Peterson não é conservador como se intitula, por exemplo, o Scruton…

        • Kurt 12/02/2018 at 16:27

          A questão é que a biologia humana é “conservadora”.

    • Pobre Paulista 12/02/2018 at 15:55

      Hard sciences (math, physics) obey laws, bullshit disciplines (psychology, history, sociology) obey authority.

      https://twitter.com/nntaleb/status/962348986748334080

      • Kurt 12/02/2018 at 15:59

        I disagree, Sir.Did you see the pattern-curve area comparison between the IQ of Women and Men?

      • Pobre Paulista 12/02/2018 at 15:59

        Não era pra ser Reply, mas até que encaixou né kkkkkk

      • Kurt 12/02/2018 at 16:13

        Oh,by the way, math is not a science.

  • Pobre Paulista 12/02/2018 at 15:50

    Essa notícia é de cair o c* da bunda!

    http://saude.ig.com.br/2018-02-09/reto-celular.html

  • Floyd 12/02/2018 at 16:01

    O chopp Californication sp330 é bom?
    Estava vendo na página que a lata é 25 reais, 1 litro de chopp é esse preço aqui, alguém já experimentou?

    • Balduino IV 12/02/2018 at 16:22

      moça bonita moça bem feita, moça formosa… e curte uma suruba kkk

  • Saporetti 12/02/2018 at 16:23

    PIS PASEP dá rendimentos? Minha mae descobriu depois de trocentos anos que tem 48 reais pra receber na CAIXA…

  • Balduino IV 12/02/2018 at 16:33
    • Kurt 12/02/2018 at 16:43

      Concordo.Não existe nenhuma do governo brasileiro sanção contra maduro .E deve ter entrado muitos agentes comunista no meio dos refugiados.

      • Kurt 12/02/2018 at 16:55

        Eles irão acabar como massa de manobra da esquerda.Teve até manifestação em Roraima contra a “xenofobia”.Teve dedo da esquerda aí.

        • Balduino IV 12/02/2018 at 17:06

          Com certeza, são os futuros eleitores, quando esse povo ganhar direito à voto. Roraima vai pro saco. Isso se não quererem independência pra forma uma Venezuela 2.0 (tudo é possível nessa bosta)

          • Kurt 12/02/2018 at 17:07

            Que refugiado vai se recusar a ser massa de manobra da esquerda nas manifestações, precisando do dinheiro para comer?

  • Pobre Paulista 12/02/2018 at 17:01
    • Mineirausfall 12/02/2018 at 19:33

      Os comentários estão massa.

      Lara Santos
      HÁ 22 HORAS
      No Brasil seria a nova dança 2018 e ganhariam o título de celebridades ou intelectuais!

      João
      HÁ 20 HORAS
      E olha que a camboja é muito mais pobre que o Brasil, e nem por isso é uma zona.

      Luca Maluca
      HÁ 19 HORAS
      Vai pra lá. Aqui é todo mundo livre, desde que não atinja os outros, claro.

      Partido Lula2018
      HÁ 18 HORAS
      Livre é ser acordado por um funkeiro vag4bund0 as 3 da manhã com som alto no meio da rua, livre é ter seu filho sendo influenciado por musicas criminosas, livre é criar uma juventud3 de retardados mentais, livre é engravidar aos 13 anos, animal burr0 acéfalo jument0.

      Paulo Júnior
      HÁ 18 HORAS
      Como faço pra alugar o governo do Camboja no carnaval? Pq se fosse só dançar estava de boa, mas até cagar na rua, estão fazendo!!!

  • Polaco 12/02/2018 at 17:36

    Estranho esses venezuelanos virem pro BR, enquanto o resto do continente fala espanhol…

    • Manco 12/02/2018 at 18:45

      Se matam um da família Trump ia movimentar violentamente o jogo, Trump ia parar com as negociatas e enfiar de vez nego na cadeira elétrica e cadeia dos EUA.

  • Neco 12/02/2018 at 17:58

    Então… agora vão dizer que a terra esta esfriando por causa dos vulcões.

    https://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/the-new-york-times/2018/02/12/vulcoes-podem-ajudar-no-resfriamento-da-terra.htm

    Olhem para o sol, lá esta a resposta.

    • Kurt 12/02/2018 at 18:02

      Que ajudam, ajudam, mas parece que mais uma vez eles saem pela tangente.Tivemos poucas erupções vulcânicas significativas nos últimos anos.Foi só de uns meses para cá que elas aumentaram.

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 18:19

    Boa tarde.

    • bolha buritis 12/02/2018 at 18:35

      Boa noite.

      • Mineirausfall 12/02/2018 at 18:37

        🙂

  • Final Countdown 12/02/2018 at 18:23

    Vocês, pessimistas, repararam que Peterson é o #1 em livros no Canadá??
    sabe o impacto disso numa sociedade??
    pega o que Olavo faz aqui e multiplica por 100.
    Canadistão, acredito, terá uma virada em alguns anos.

    • Indião 12/02/2018 at 18:41

      8 milhões de seguidores no YouTube ? É isso ?
      Bom, a maioria pode ser nao-canadense

  • Final Countdown 12/02/2018 at 18:26
    • Balduino IV 12/02/2018 at 18:33

      Livramento! dois mongoloides compram um barquinho e sonham e sair pelos oceanos PUTA QUE PARIU!
      Olha a merda que eles enfrentariam
      https://www.youtube.com/watch?v=Dd5yX8lR6bU

    • Amy Rose 12/02/2018 at 18:49

      “Broadwell e Nikki deixaram o Colorado ano passado após venderem todos os bens, incluindo um carro, para comprar o veleiro Lagniappe por US$ 5 mil. Eles investiram outros US$ 5 mil para deixar o barco pronto para a aventura de suas vidas.”

      “— Tudo que eu trabalhei, tudo que juntei desde que era criança, eu trouxe comigo — lamentou Nikki. — Está tudo boiando indo embora e eu não posso fazer nada.

      Leia mais: https://oglobo.globo.com/sociedade/casal-vende-tudo-para-viver-navegando-mas-barco-afunda-em-dois-dias-22391734#ixzz56vfMbUyc
      stest ”

      Só uma coisa a dizer: que se laskem, zero carlinhos marquis no coração.

    • MrCitan 12/02/2018 at 20:21

      Eu não tenho nada contra no pessoal querer pegar as coisas, botar num motorhome ou num barco, e se mandar por aí.
      Mas porra, estupidez tem limite.
      Aonde já se viu, os caras comprarem um barco de 1969, dar uma garibada marromeno, e ainda sair pra navegar, ambos com ZERO de experiência em navegação?
      Com certeza ia dar merda.
      Eles tem é que levantar as mãos pro céu , e agradecer que a merda aconteceu na costa da AL do Norte.

  • bolha buritis 12/02/2018 at 18:36

    Ex-Agente Denuncia o “Governo das Sombras” e diz que Trump não é Controlado

    https://www.youtube.com/watch?v=qNMDjcMmrjA

  • Amy Rose 12/02/2018 at 18:36

    Gente, “foliões” invadiram o Santos Dumont, pqp! Gritando fora temer e mandando o Crivella tomar no c*. Gentalha!

    https://www.facebook.com/OJeitinhoCarioca/videos/1182134158588769/?hc_ref=ART1pI7_JXPn5iOaB4N0ivHLFdOszZT9EWnEVHM441MI7E3TwL_NkF4WDXKjprmTbXg

    • Amy Rose 12/02/2018 at 18:40

      E o jornal ainda chama essa escumalha de foliões! Mídia safada! Tinha que ser a globulo:

      https://extra.globo.com/noticias/rio/folioes-entram-no-aeroporto-santos-dumont-desfilam-pelo-saguao-22392009.html

      • Balduino IV 12/02/2018 at 18:43

        “Desfilam” Em qualquer país minimamente sensato, veriam esta werda como um possível ato de terrorismo, e mandariam pra fora na base do gás lacrimogêneo e bala de borracha e do porrete.

        • Amy Rose 12/02/2018 at 18:44

          Pensei o mesmo! Sairiam ali na base da porrada! Sem diálogo, na base da bala de borracha e gás de pimenta.

      • Mineirausfall 12/02/2018 at 18:43

        “Banaling: Um país de loucos”
        (Lema do (des)gobierno do L#%@ )

        • Amy Rose 12/02/2018 at 18:45

          E o bônus: gritam fora Temer e mandam o Crivella tomar no *. Caraca, a esquerda quer mesmo a pecha de baderneiros!

          • bolha buritis 12/02/2018 at 18:49

            Petralhada ?

            Hmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm.

            • Amy Rose 12/02/2018 at 18:51

              Isso. Bolso tem que capitalizar em cima dessas coisas.

          • Mineirausfall 12/02/2018 at 19:00

            Fui procurar no G***** e, ó! Essa página vermelha apresenta a balbúrdia com muito orgulho.

            ECA://www.diariodocentrodomundo.com.br/video-folioes-invadem-o-aeroporto-santos-dumont-gritando-ei-crivella-vai-tomar-no-c/amp/

            Repassando essa pouca-vergonha (não a desse site) pra todo mundo.

    • Manco 12/02/2018 at 18:42

      RIP Brazil, estou com muita vontade de mandar esses vídeos e o dos assaltos no Leblon para minha amiga.

    • Balduino IV 12/02/2018 at 18:52

      Que ardam muito. Eles irão recorrer ainda mais a censura para atender essa agenda, e as pessoas sairão dessas plataformas para novas.

      • Challenger SRT 12/02/2018 at 19:00

        Não é a Unilever a responsável por aquela propagando do OMO?
        Aqui em casa não entra mais nada dessa empresa e de outras que apóiam ideologia de gênero.
        Que vão à bancarrota, junto com Google e Facebook.

        • Kurt 12/02/2018 at 19:15

          Procuro evitar comprar deles.Mas isso de boicotar deve ser o desespero de amargar prejuízo devido ao boicote.

        • civilizado 12/02/2018 at 20:25

          …e a grrobuuuuu

  • Polaco 12/02/2018 at 19:02
  • Polaco 12/02/2018 at 19:17

    https://www.youtube.com/watch?v=QbIWKLOQ5eU

    Bolsonaro quer METRALHAR A ROCINHA!

  • Kurt 12/02/2018 at 19:19

    “BOLSONARO É MENCIONADO NO PROGRAMA INFOWARS COMO A ESPERANÇA PARA O BRASIL. ” Terça livre divulgou.
    https://www.facebook.com/AlexanderEmerickJones/videos/10155062383808459/

  • Kurt 12/02/2018 at 19:28

    Por essa o repórter da globo não esperava:
    https://twitter.com/SPD_33/status/963045970241097729?s=09

    • Mineirausfall 12/02/2018 at 19:37

      O.O

      “A verdade não pode ser dita.”

    • Balduino IV 12/02/2018 at 19:38

      Ué na novela mostram isso o tempo todo, ai o velho constata a realidade e é cortado kkkkk

      • Setembrochoves 12/02/2018 at 23:20

        Top

    • Floyd 12/02/2018 at 19:57

      cara, que diskraça!!!kkkkk

    • Alta Mogiana 12/02/2018 at 22:12

      O império da Globo está no fim

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 19:51
  • Floyd 12/02/2018 at 19:55

    http://tvuol.uol.com.br/video/passageiros-levam-caos-ao-metro-no-carnaval-paulistano-04028C993264E4996326

    O metrô de SP parou por três horas por causa de retardados.
    O que será que esse povo pensa que ganha agindo assim? o.O

    • Saporetti 12/02/2018 at 19:58

      nesse Carnaval iria usar o metrô…mas já prevendo os 666 em folia…deixei pra fazer as coisas no pós-carnaval…

  • windville 12/02/2018 at 20:03

    Casando com o que o pessoal do blog tem comentado

    Além do bairro, pessoas que foram curtir o carnaval na cidade foram atacadas em vários pontos
    Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2018/02/12/interna_nacional,937366/folioes-sao-vitimas-de-arrastao-em-ipanema-zona-sul-do-rio.shtml

    • Johnnyboy 12/02/2018 at 20:10

      Venham pro Helll! Esqueçam isso aí… “cidade maravilhosa”! A cara do brasil!

      kkkkkk

      • Mineirausfall 12/02/2018 at 20:29

        “Cidade maravilhosa”? Um dia, já foi.

        https://youtu.be/fpCKxNBLzRM

        “A cara do Brasil”. Putz… Só restam GIG e GRU.

        • windville 12/02/2018 at 20:35

          Pois é mineira, o Rio já foi mesmo, olha os morros nenhuma favela.

          • Mineirausfall 12/02/2018 at 20:50

            Snif… Snif…

            Impressionante como o Banaling involuiu de lá pra cá. Se tivesse permanecido estagnado, não seria nada mal.

  • civilizado 12/02/2018 at 20:18

    EXTRAAAAAA!!!!
    Nora de Trump é levada a hospital após carta com substância suspeita ser enviada a sua casa
    Além de Vanessa Trump, outras duas pessoas que estavam no local também foram atendidas em hospital. Não há indícios até o momento de que pó seja perigoso.

    • Kurt 12/02/2018 at 20:20

      Não vou falar rubiiiiinho, porquê isso é coisa séria 🙂

      • civilizado 12/02/2018 at 20:23

        KKKK,azar !!! cheguei de volta quero um lugar no banco!!!

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 20:19

    Mais algumas da “Twilight Zone”.

    Aqui também tem “surfista de ônibus”. Obviamente, a Fake Press disse que a culpa era do motorista.

    -https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/dupla-pega-carona-em-cima-de-onibus-em-movimento-no-df-veja-video.ghtml

    Isso é só o que apareceu.

    -https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/domingo-de-carnaval-e-marcado-por-quatro-esfaqueamentos-em-brasilia.ghtml

    -https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/mais-de-260-motoristas-foram-pegos-dirigindo-sob-efeito-de-alcool-no-df-5-acabaram-presos.ghtml

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 20:48

    Esses pilantras estão querem pôr fim ao dinheiro.

    https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/02/retirada-de-cedulas-altas-de-circulacao-gera-controversia.shtml

    “E fez que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, lhes fosse posto um sinal na mão direita, ou na fronte,

    para que ninguém pudesse comprar ou vender, senão aquele que tivesse o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome.”

    (Apocalipse 13, 16-17)

  • Floyd 12/02/2018 at 20:49

    Caramba, filmaram uma gostosa fazendo sacanagem e eu sei quem ela é, fui procurar o perfil dela, já apagou tudo, menos do linkedin. O.o

    • Fênix 12/02/2018 at 21:15

      Vc com esse avatar diz isso e não posta o link. Francamente viu….

      • Floyd 12/02/2018 at 21:59

        Sei lá, acho que ela corre sério risco de se matar, resolveu liberar em cima do capô do carro de um cara rico em local público.
        A gordinha que filmou postou em um monte de grupo de putaria na net, e para piorar repercutiu até em jornal local, eu acho que ela queria participar. O.o
        É uma moça muito bonita, mas típica que adora fazer loucuras com babacas endinheirados.
        Já para um classe média tipo o Floydin aqui, se falar “oi” fez caridade.
        Só sei que em uma foda, fodeu a vida dela, era analista de uma empresa grande de TI, o magnata vazou da net de um modo bem efetivo, e já devem rastrear as pessoas que forem repostar o vídeo e processar, por isso é melhor ficar quieto, pode ter muita dor de cabeça nisso.

        • Fênix 12/02/2018 at 22:42

          Ta certo Mano Floyd, vc me convenceu. Só não posso dizer o mesmo do meu cachorro aqui do lado….rs

  • Mineirausfall 12/02/2018 at 21:08

    Textos relacionados ao tópico. A impressão é de que bastante coisa já aparecera por aqui.

    -http://midiasemmascara.org/artigos/indicados-editor/destaques/metem-medo/

    -http://diariodainsurgencia.blogspot.com.br/2017/09/ben-shapiro-politicamente-correto-faz.html?m=1

    Será que estou rubinhando? o.o

  • Kurt 12/02/2018 at 21:19

    MINHAS CONSIDERAÇÕES SOBRE O KEYNESIANISMO DE CIRO GOMES.

    A aposta de crédito na economia esquerdista é, como já disse hoje, “dinheiro virtual”, ou seja, não é dinheiro real, mas uma aposta no futuro de bens e serviços que não foram ainda realizados.

    Este perigoso mecanismo de aposta sempre quebra quando o trabalhador perde o emprego e torna-se inadimplente.

    As empresas fornecedoras recebem, mas quem paga são os bancos.

    Aqui dirá um esquerdista: “Acertamos na cabeça dos bancos!”.

    A resposta é NÃO: os bancos aguentam a pancada e colocam os inadimplentes nos cadastros de devedores, agentes econômicos como SCPC e SERASA no Brasil.

    Como consequência o trabalhador perde o crédito e deixa de comprar e portanto de consumir.

    É este seu primeiro prejuízo.

    Em seguida com o arrefecimento do poder de compra pelo impedimento do crédito, as empresas tem uma queda gradual nas vendas a prazo até o ponto que seus únicos clientes são os que podem pagar à vista. Com o fluxo de vendas em queda gradual, as demissões começam e progridem até chegar ao trabalhador.

    É este seu segundo prejuízo.

    Com a diminuição do poder de compra, o crédito liberado pelos agentes econômicos invalida-se a si próprio e perde o sentido: está liberado, mas ninguém tem acesso. Anula-se, autofagicamente.

    Com o mercado travado, pelo poder de compra estagnado, os preços dos produtos começam a cair e entrar em liquidação pelo terceiro setor, o comércio, na tentativa de salvar o mínimo do investimento, mesmo abaixo do preço de custo e com prejuízo.

    Acabados estes produtos, a busca pelo “mais barato” gera uma demanda imensa pelos alternativos de marcas desconhecidas com menor qualidade e pelos usados. Tal demanda faz o preço subir e gradualmente o custo de vida do trabalhador perde em qualidade e encarece. O trabalhador, precisa trabalhar mais, para comprar menos e com menor qualidade.

    É este o terceiro prejuízo.

    Com o mercado paralisado, desempregado formalmente e pagando muito caro por porcaria, este é o ponto em que o governo assume estar em “crise”. Salvam-se os bancos e instituições financeiras que a esquerda queria quebrar e pagam o preço mais caro os mais pobres, trabalhadores e operários.

    A sociedade começa neste ponto a buscar os culpados.

    Com o aumento do preço da produção nacional, tanto os produtos de qualidade, quanto dos alternativos desconhecidos e até dos usados, os produtos mais baratos passam a ser neste estágio os importados.

    Aumentando a busca por importados, aumenta consequentemente a compra de dólares, majorando o preço da moeda estrangeira.

    A alta do dólar, neste ponto privilegia quem exporta e salva as empresas que a esquerda queria atingir, do primeiro e segundo setor, e também os bancos. Ao mesmo tempo aumenta a preço dos importados que a população estava consumindo e os únicos prejudicados tornam-se os trabalhadores mais pobres.

    Aqui é o ponto em que a estratégia do crédito torna-se diametralmente oposta à sua intenção inicial: privilégio para os mais ricos e prejuízo para os mais pobres.

    Com a alta do dólar, o governo começa desesperado a mexer no câmbio e neste estágio a população já está de saco cheio e começam manifestos.

    Regulado o dólar à força com operações de swap cambial, baseadas em apostas de altas, há uma sensação de alívio momentâneo.

    Acontece que as reservas do estado passam a ser usadas para controle cambial com compra de dólares para segurar a balança, e com isso os impostos aumentam.

    É este o quarto prejuízo.

    Com aumento da carga tributária, mais demissões e menos produtos, prateleiras começam a esvaziar-se e o único emprego possível é no mercado informal.

    Com a sociedade à beira do colapso, os manifestos ganham força e o resultado final é um invariável impeachment, ou uma tomada de poder ditatorial, forçando uma ditadura.
    Diego Sanches

    • Kurt 12/02/2018 at 21:23

      PS:Isso ocorreu nos governos do pt.

      • Kurt 12/02/2018 at 21:35

        Es estamos colhendo os “frutos” agora.Claro que houve também o aumento do preço das commodities nos governos petistas.

    • AL 12/02/2018 at 21:26

      Tópico!

      • Setembrochoves 13/02/2018 at 01:42

        Tópico 2

  • bolha buritis 12/02/2018 at 21:24

    ?EXCLUSIVO: GENERAL DIZ QUE INTERVENÇÃO MILITAR É REMÉDIO AMARGO PARA OS POLÍTICOS

    https://www.youtube.com/watch?v=91ewj2t4PGM

    AO VIVO

    • Fênix 12/02/2018 at 21:27

      Generais? Aço? Toni?

      • bolha buritis 12/02/2018 at 21:39

        ok

  • Setembrochoves 12/02/2018 at 21:40

    Má que caceta de tópico grande.

    E eu não consigo não ler. Vai ser aos poucos, é enorme …

  • Zé do Faz 12/02/2018 at 21:47

    Só digo uma coisa:

    Por muito menos Sodoma e Gomorra foram dizimadas.

    Ainda dizem que o Brasil será o país do futuro. Será mesmo?

    • bolha buritis 12/02/2018 at 21:50

      Peço diariamente pela justiça divina.

  • Alta Mogiana 12/02/2018 at 22:08
  • Alta Mogiana 12/02/2018 at 22:10

    Não adianta ser rico em país pobre, diz novo chefe do Bradesco
    O próximo presidente do Bradesco, Octavio de Lazari Junior, disse que o banco terá de conviver com juros baixos daqui para frente

    https://exame.abril.com.br/negocios/nao-adianta-ser-rico-em-pais-pobre-diz-novo-chefe-do-bradesco/

  • Indião 12/02/2018 at 22:12

    Consegui.
    Depois de quatro paradas no meio, reinícios e releitura, terminei de ler.

    Sigo simplificando tudo o que está escrito, na minha grossura, a todos quantos posso falar, in verbis =

    É Bolsonaro contra o resto.

    Contra o sistema todo.
    Contra tudo e contra todos.
    Contra corruptos e corruptores.
    Se ele restaurar a segurança pública e conseguir traze-la para os níveis criminais dos anos 70,
    Já terá feito o melhor governo dos últimos 50 anos.

    • Pao de queijo com cafe 12/02/2018 at 22:15

      Tópico.

      Boa noite !!!

    • MrCitan 12/02/2018 at 22:39

      “Se ele restaurar a segurança pública e conseguir traze-la para os níveis criminais dos anos 70,
      Já terá feito o melhor governo dos últimos 50 anos.”

      Pra isto ele vai ter que ser Anarcocapitalista e/ou pinochetiano e apelar para a remoção física.
      O jeito é esperar e sonhar.

  • Alta Mogiana 12/02/2018 at 22:16

    Marco Villa não era direitista?

    BRASIL: Família Bolsonaro irá processar o jornalista Marco Antonio Villa

    • Final Countdown 12/02/2018 at 22:18

      ótimo
      tem que processar mesmo
      acabar com essa palhaçada
      há um grupo de seguidores no twitter se organizando pra processar também

    • Mineirausfall 12/02/2018 at 22:31

      Essa última do MAV, ainda não tinha visto.

      VTNC://youtu.be/OeIS0irwqN0

      Direto da fonte:

      VSF://goo.gl/8WnC5x

      PQP://goo.gl/kNKrGp

      Isso aí, tem mais é que dar-lhes de provar do próprio veneno.

  • Alta Mogiana 12/02/2018 at 22:20

    Quer ver isso ocorrer quando tiver Bolsonaro na presidência:

    https://www.facebook.com/edsondias.santana/videos/1710561175653345/

  • Alta Mogiana 12/02/2018 at 22:25

    Chupa Facebook

    Unilever ameaça retirar anúncios do Facebook e Google

    https://moneytimes.com.br/unilever-ameaca-retirar-anuncios-do-facebook-e-google/

    • MrCitan 12/02/2018 at 22:37

      “A companhia também disse que está empenhada em abordar os estereótipos de gênero na publicidade e só se associará a organizações que se comprometem a criar uma melhor infraestrutura digital.”
      Traduzindo: Querem lacrar sem serem incomodados com críticas.
      Não conseguem fazer isto pela TV, e acham que pelas plataformas digitais vão conseguir.

      • Johnnyboy 12/02/2018 at 22:42

        Isso… e também fazer pressão pro Facebook esquerdar de vez… retirar páginas e censurar mesmo….. afinal, foi graças a internet e a quebra do domínio da mainstream media que Trump foi eleito… e a direita finalmente tem ganhado voz…

        O estrago é imenso e cresce a cada dia….. eles precisam tomar medidas fortes pra tentar impedir o avanço…

        • AL 12/02/2018 at 22:59

          Tudo false flag precisam redirecionar sua atuação para um espaço onde não possam ser cruticados abertamente.

          Só que não vai adiantar de porra nenhuma, o povão continuará no foice e continuara invadindo os outros espaços, assim cimo ocorreu com o Twitter, game over pra eles.

          A verdade se alastra como a luz do sol ao amanhecer.

          • Setembrochoves 13/02/2018 at 02:18

            Esse tema vale um ótimo tópico. Mas tem que juntar as peças

        • MrCitan 12/02/2018 at 22:59

          Mesmo se o Facebook quisesse fazer isto, iria precisar de um batalhão de fiscais, iguais aos moldes do Firewall chinês, ou criar um algoritmo top baseado em redes neurais e inteligência artificial, que fizesse isto.
          Ou seja, inviável economicamente falando.

          Poderiam migrar para o Mewee? Poderiam, mas vão ser ainda mais escurraçados se quiserem lacrar.

  • Balduino IV 12/02/2018 at 22:37

    https://g1.globo.com/politica/noticia/temer-planeja-anunciar-criacao-de-ministerio-da-seguranca-publica-apos-carnaval.ghtml

    Caramba, como nunca pensaram nisso antes, um novo ministério vai resolver tudo porra! kkk

    • Johnnyboy 12/02/2018 at 22:51

      hahahahahah porraaaaaaa agora vai!!! kkk

      Esse país é uma piada…

  • trouxa bananense 12/02/2018 at 22:38

    OLHEM SÓ QUE DELÍCIA AS MILICIAS DE SUBÚRBIO….

    Lembram que falei de militares se enbrasando???

    Cobras de Marechal…botaram até foto do PUTIN atrás das roupas de bate bola.

    https://www.youtube.com/watch?v=PR0vueKraoI

    • AL 12/02/2018 at 23:02

      Quem controla esses bate bolas?

      Nunca entendi, o Falcon não gostava, mas se era da turma dele?

      Ou era uma turma diferente que controla a maioria?

      • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:08

        Não, filho….é ação miliciana….ganguezinhas locais……os graudões não tem controle…..só sabem quem são…mas não se metiam….pois é a válvula da panela de pressão. Acordo de cavalheiros.

        Falcon se metia muito era em pega-racha de carro, mas isso porque os moradores reclamavam com ele que alguém era atropelado ou causavam confusão na porta da casa de alguém…..por isso ele inibiu…..agora os clovis…sempre foram tolerados.

        • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:15

          ALIÁS……vários desses bate bolas são recrutas ou praças concursados das FFAA…..como que Falcon ia brigar com as FFAA???? Até oficiais comandam essas gangues……coisa párea contra Jogo do Bicho…….

          FORA que seria como o dono da construtora brigar com os pedreiros…quem vai fazer o prédio???? Se Falcon ou algum capo brigar com os bate bolas, quem ele vai recrutar como capanga depois???

          • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:15

            Aliás…RIP Falcon…..depois que morreu Madureira bagunçou de vez.

            • AL 12/02/2018 at 23:18

              Pois é, falem o aue quiserem dele, mas ele segurava a marimba!

              • AL 12/02/2018 at 23:19

                O que foi feito daqueles mais próximos que andavam com ele?

                Tunha uns que achavam que eram ele, rssss, nego tava tendo algo graças a moral que ele tinha.

                • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:23

                  Uns debandaram pra fazer a segurança de outros capos, o resto continua aglutinado aos Scaffura.

                  • AL 12/02/2018 at 23:29

                    Saquei.

                    Vc sabe se com esse movimento da milícia aglutinar o comércio de produtos diferenciados, eles vão pra cima dos pessoal do deputado quegosta de carnaval, ou se com a baixa no pessoal do peixinho vão buscar aliança?

                    Numca entendi esse lance, o peixe era fechado com o sujeito da caravela, eles são os verdadeiros capos da milícia, mas sendo governador, tbm tem sua grande participação nos lucros dos produtos.

                    Como ficava o negócio do deputado do carnaval?

                    Ele pequeno perto deles, ou é parça tbm?

                    • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:03

                      A participação do peixe não tenho noção dos detalhes….mas sendo deputado, certeza que deve no mínimo dar suporte aos capos.

                    • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:04

                      Calma que deu nó na minha cabeça…

                      peixe- romário.
                      caravela- crivella
                      deputado q gosta de carnaval- Simão Sessim

                    • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:05

                      Mas pela tendência, independente de não manjar dos detalhes, será o caminho da parceria…..se o zé ruela da esquina vende droga junto com os traficantes, imagine a máfia grande…..

        • AL 12/02/2018 at 23:19

          Huuuuuummmmmmmmm

  • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:26

    Noves fora…..veja o tesão dos caras em usar uniforme, em formar pelotão……imagine grupos paramilitares com essa gente….huuuuuuuuuummmmm…..o controle tá garantido…

    https://www.youtube.com/watch?v=_pr_8wugjvI

    • AL 12/02/2018 at 23:31

      Rssssss.

      Só disposição!

  • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:29

    Julio 12/02/2018 at 08:33
    A TV de Bolsonaro
    Brasil 12.02.18

    “A ala da bancada evangélica que apoia Jair Bolsonaro está pronta para bombardear a candidatura de Luciano Huck”, diz Andreza Matais.

    Aparentemente, o bombardeio será feito pela TV Record.

    PS. Com esse Carnaval do RJ, com Crivela sendo massacrado e os símbolos religiosos deturpados pelo corte da grana pública, acirra-se a disputa Record x Globo. A primeira com Bolsonaro, a segundo com seu funcionário Huck.
    —————————————————

    • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:30

      QUE DELÍIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIICIA

      Melhor que o esperado.

      • AL 12/02/2018 at 23:31

        Esses caras serão expostos como nunca…

        • Setembrochoves 13/02/2018 at 03:41

          Nunca pensei que iria torcer pela Rede Record. Hoje, faço frente a todos os Evangélicos Neo Pentecostais, à parte as diferenças religiosas

    • Alta Mogiana 12/02/2018 at 23:32

      Vou votar no Bolsonaro, vou fazer campanha para ele, mas o que eu não gosto é meter religião no meio de política. Isso pode azedar o leite e queimar o feijão.

      • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:29

        Religião pra esses atores é mera arma política, aliás, até mesmos os evangélicos metidos nisso…é mero marcador de identidade. Na verdade é a boa e velha guerra híbrida.

  • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:32

    Amy Rose 12/02/2018 at 10:41
    Exato! conversava sobre isto com minha mãe ontem. Ainda que tivéssemos um governo ótimo, como lidar com essa massa de banalings completamente animalizada, tanto no sentido moral e educacional?

    Mineirausfall 12/02/2018 at 10:52
    Infelizmente, seriam necessários quarenta anos de um governo “linha-dura”. Um “nanny state” hardcore. E, ao mesmo tempo, recompor os sistemas educacional e midiático (hoje, corrompidos).

    E isso, com o país falido.

    Nunca fui afeita a regimes de força, mas democracia só funciona com um povo “cabeça feita”.

    Amy Rose 12/02/2018 at 11:01
    Exato! Um “vara de ferro” seria necessária (apocalipse 12:5)
    ——————————

    FORÇAS ARMADAS e serviço militar pra essa cambada de imbecis. Depois que façam trabalho braçal. FIM!!!!!!!!!!!!

  • Kurt 12/02/2018 at 23:34

    A capacidade militar da Venezuela.
    Hoje no Mundo Militar.

    https://youtu.be/d4ORp9naCAI

  • trouxa bananense 12/02/2018 at 23:41

    Final Countdown 12/02/2018 at 14:35
    Eu estou achando que a permissividade da frsta momesca se estenderá para além do seu tempo determinado pelo estado. O Caos na zona sul do HELL vai perdurar por muito tempo
    Aquele povo não vai andar pelas nobres ruas do lebrão com tranquilidade por um bom tempo
    ——————————

    Quero ver patricinha grafina de Zona Sul tendo joias roubadas, chorando no meio do shopping e entrando em depressão.

    • Pao de queijo com cafe 13/02/2018 at 00:01

      ??????

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:02

    Amy Rose 12/02/2018 at 18:40
    E o jornal ainda chama essa escumalha de foliões! Mídia safada! Tinha que ser a globulo:

    ***https://extra.globo.com/noticias/rio/folioes-entram-no-aeroporto-santos-dumont-desfilam-pelo-saguao-22392009.html

    Balduino IV 12/02/2018 at 18:43
    “Desfilam” Em qualquer país minimamente sensato, veriam esta werda como um possível ato de terrorismo, e mandariam pra fora na base do gás lacrimogêneo e bala de borracha e do porrete.

    Amy Rose 12/02/2018 at 18:44
    Pensei o mesmo! Sairiam ali na base da porrada! Sem diálogo, na base da bala de borracha e gás de pimenta.

    Mineirausfall 12/02/2018 at 18:43
    “Banaling: Um país de loucos”
    (Lema do (des)gobierno do L#%@ )

    Amy Rose 12/02/2018 at 18:45
    E o bônus: gritam fora Temer e mandam o Crivella tomar no *. Caraca, a esquerda quer mesmo a pecha de baderneiros!

    bolha buritis 12/02/2018 at 18:49
    Petralhada ?

    Hmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm.

    Amy Rose 12/02/2018 at 18:51
    Isso. Bolso tem que capitalizar em cima dessas coisas.

    Mineirausfall 12/02/2018 at 19:00
    Fui procurar no G***** e, ó! Essa página vermelha apresenta a balbúrdia com muito orgulho.

    ECA://www.diariodocentrodomundo.com.br/video-folioes-invadem-o-aeroporto-santos-dumont-gritando-ei-crivella-vai-tomar-no-c/amp/

    Repassando essa pouca-vergonha (não a desse site) pra todo mundo.
    ————————————-

    Foram os VAGABUNDOS do bloco BOI TOLO….que faz parte de um grupo de esquerda chamado OKUPA carnaval…..eles estavam no Passeio Público, do lado do Bangalafumenga, estrategicamente perto do SDU.

  • AL 13/02/2018 at 00:06

    Então, Trouxa.
    Peixe, pscies, pician…

    Caravela, aquele que veio nela e agora tá preso, ca….

    Já o outro deputado que gosta de samba tá mole, né?

    • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:19

      O deputado que gosta de samba não peguei não…………..mas só cai os Picianni no dia que o MITO for eleito e não tiver mais braços do PMDB carioca mandando aqui…………ai fuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuudeu pra essa gente, pois os inferiores, que justamente se aliam aos bate bola vão assumir de vez a bagaça. Picianni está hoje, literalmente tapando buraco. ele cai, entram outros, bem menos refinados.

      Tendência de desconcentrar os clãs criminosos.

      • AL 13/02/2018 at 01:01

        Dai o mito vai ter chegar chegando

  • Polaco 13/02/2018 at 00:19

    Sobre a explosão de violência no BR, principalmente RJ:

    Tenho a impressão q o expurgo está próximo, na hora que ator da Globu, repórter da GN ser roubada ou sequestrada, aí vão com tudo pra cima, questão de tempo e sentimento ruim sobre tudo isso que tenho sentido nas últimas semanas…

    • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:21

      Isso não os fará tomarem a nossa posição. Apenas pedirão reforços.

      • Polaco 13/02/2018 at 00:22

        Algo grande precisa acontecer, precisa da faísca… Só não sei oq é

        • Neco 13/02/2018 at 00:58

          Não vai acontecer nada. No ano que vem como mito será liberado porte de arma, diminuída a maior idade penal…. Enfim tudo o que tem que ser feito do ponto de vista jurídico vai ser feito. Ai a coisa muda.

    • Setembrochoves 13/02/2018 at 04:53

      Mataram o repórter da GLOBO com espada de SAMURAI e ainda queimaram o corpo.

      Resultado?

      Nada

      Só uns choromins da Rede Globels

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:22

    Mineirausfall 12/02/2018 at 22:31
    Essa última do MAV, ainda não tinha visto.

    VTNC://youtu.be/OeIS0irwqN0

    Direto da fonte:

    VSF://goo.gl/8WnC5x

    PQP://goo.gl/kNKrGp

    Isso aí, tem mais é que dar-lhes de provar do próprio veneno.
    ————————–

    AGORA, uma coisa é verdadeira……o que o mito foi fazer na porra do BTG PActual….porra???????????? É inocência do caralho ou tá fechado com eles….pelo menos um cidadão mediano pensará dessa forma.

    • AL 13/02/2018 at 00:56

      Tá tentando não iniciar a gurra antes da hira.

      Veja que ele evita falar o que quer fazer bo hell.

    • Setembrochoves 13/02/2018 at 04:54

      Isso, perfeito. Bolsonaro não tem que se meter com essa gentalha pra dizer que está acobertado na questão econcômica.

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:33

    AL
    AAAAAAAAAALLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

    Pra tu ver a zona que Madureira SEMPRE FOI….veja essa briga entre clãs de bate bola em 2013

    https://www.youtube.com/watch?v=QEYMNm4vqTo

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:34

    E nego faz ameaça de cara limpa
    https://www.youtube.com/watch?v=1B08hB8D2oE

    • AL 13/02/2018 at 00:58

      Impunidade…

    • Mari 13/02/2018 at 01:03

      kkkkkkkk

      Desculpe, mas eu ri.

      Idiotas dando entrevista e bravateando…sei não, mas parecem só idiotas.

      Já um video de uns sangue nos olhos que vi esses dias, na verdade nem tão sangue nos olhos, mas armados o suficiente, dando rolê de carro e com loló, achei bem perigosos.

      Sem nada a perder mesmo, tralhas drogadas e bem armadas.

      Mas, posso estar enganada e esses dai serem perigosos tb.

      Só quem vive no inferno é que sabe.

      • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:22

        Sim, são idiotas metidos a valentes fazendo merda, tal como traficantes de drogas. Mas não ache que drogados são os mais perigosos, eles só agem assim embalados. Os sóbrios fazem com gosto e por isso são mais perigosos.

        Tem trafica e tem militar metido nesses grupos. Tudo mal intencionado, claro. Controle e orientação de masculinidade do subúrbio.

        • Mari 13/02/2018 at 01:25

          Eu só acho que quem faz de fato, não dá entrevista…

          E nesse video não tem “de menor”, sei lá, achei bravateiros kkk

          Mas sim, a escória é de todo tipo.

    • Setembrochoves 13/02/2018 at 05:25

      Bom, um deu pra ver que estava cheiradasso

      Os outros não sei, teria que ver de novo. Mas de prima, um tá na boca do palhaço

    • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:38

      PUTA QUE PARIU…..é poste mijando no cachorro…..caralho de asa porra!!!!!!!!!!!!!!

      Nego nos EUA e Europa querem PROIBIR que as crianças chamem umas as outras de melhores amigos, porque o coleguinha do lado se sente excluído.

      Ao invés de explicarem como funcionam os laços afetivos, fazem essa querela.

      • Setembrochoves 13/02/2018 at 05:26

        TRISTE

    • Balduino IV 13/02/2018 at 01:02

      Caralho, então quer diz quer dizer que as crianças serão obrigadas a fazer média com todo mundo, exalar falsidade… tudo isso para não ferir os sentimos daqueles que não consideram seus melhores amigos. HAAA VAI TOMAR NO CU PORRAAAAAAAA Se eu vejo uma porra dessa mando a criançada montar suas gangues com seus melhores amigos nessa merda.

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 00:35

    https://www.youtube.com/watch?v=N0cjzv6MGsc

    Camélias do Valqueire esculachando Marechal

    • AL 13/02/2018 at 01:00

      Essa porra é só pra caçar tumulto?

      Rssssss.

      Tipo torcida, aí se tromba e saí no cano?

      • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:07

        Isso aí. Tipo torcida organizada. Só que rola territorialidade no meio.

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:10

    AL
    Dai o mito vai ter chegar chegando

    Aí que te engana. O mito não vai poder fazer tanta coisa. Os praças e alguns oficiais das FFAA são líderes do crime, tal como em 1964, quando os mesmos tiveram que deixar os seus laranjas podres comandarem o Jogo do Bicho, pros esquerdistas não tomarem tudo.

    Se Bolsonaro tentar (nunca conseguirá) combater essa gente, perderá apoio de parte da caserna….pois não é mera questão de crime a ser combatido, mas a preservação da masculinidade bruta, mantida a salvo da dominação estatal. Ele ganha e os caras se empolgam. ele mexe nisso e perde apoio.

    Não tem escapatória, no máximo facção de tráfico sai esmagada. O resto será preservado, ou ele perde apoio……..aliás, a expertise que os caras tem duvido que alguém combata.

    • AL 13/02/2018 at 01:30

      Tem que analisar isso com mais calma, se ele manter o esquema de 64 o Rio continua indo pra merda.

      • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:53

        Soma com meu comentário lá embaixo……………

        Os atores de 1964 serão parcialmente eliminados, por mera troca de sangue novo…….tem gente nova querendo o espaço deles.

        Merda toda é que eliminar, se fosse possível que não é, o crime no BFR é eliminar toda e qualquer reação do povo contra o Estado, é cortar o pau fora do povo médio, é limar fora a masculinidade da nação…………e pra isso essa turma se bandeia pro crime.

        No mundo todo é assim. No Japão as máfias se compõem assim……….se os governos usam-as como mão de obra aí é outra história…

        A merda toda é que o cenário conservador se lastreia justamente no que dá impulso pras máfias e milícias: A liberação ou flexibilização pro USO DA FORÇA BRUTA. É sabido que o cenário será propício pra quem quiser jorrar sangue, até que é isso que o povão quer……logo uma janela se abriu.

        O sangue que se verterá dos bandidinhos, alguém tem que matar os caras……………e cadê a MÃO DE OBRA????? Ou tu acha que a velhinha da esquina que mal tem força nas mãos é que vai matar os traficas da esquina dela com um .38 enferrujado???? Vai ser a hora que se substituirá zés ruelas por matadores de verdade. Gente reprimida em milícias, em FFAAs e nas polícias.

        Disso Bolsonaro ou qualquer presidente que usar desse cenário não escapará. Sem essa mão de obra, não tem sangue jorrando a favor do povo. Terá é sangue do povo sendo jorrado pelos 2 lados. Pelos atuais e pelos futuros pretendentes……aí a vingança será servida em prato geladíssimo.

        • AL 13/02/2018 at 02:04

          Well, isso combinado com a reeducação moral pode diminir o crime, de qualquer forma.

          • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:12

            Só os crimes de cuzinhos. Haverá substituição. Quando um cai, entra outro pior e mais forte. Reduzirá a quantidade, mas aumentará a qualidade. E vai ser coisa mais feia.

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:11

    https://www.youtube.com/watch?v=i0-wVLfqrzI

    COMANDOS! Por que PEDI DESLIGAMENTO do Curso de Ações de Comandos? CAC 07/2 Nunca serei um caveira

  • AL 13/02/2018 at 01:16

    O que curte carnaval é presidente de uma agremiação, ouvi dizer um tempo atrás, lá no Rio comprido, que tava mais pedido que pizza.

    No entano não foi nessa leva que levou o de Madureira.

    • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:19

      Ah porra….o Chiquinho traficante da Mangueira…ahhhhhhhhnnnnnnnnn taaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaá.

      falando em Rio Comprido, estão quietos demais esse povo do Le Cocq heim….qualquer hora dessas vou tomar um café com essa turma da pesada aí, espero que não sigam meu carro depois do rolê…

      • AL 13/02/2018 at 01:22

        Kkkkkkkkk

        • AL 13/02/2018 at 01:24

          Acho que o lance da le coq é que não teve renovação, galera ficando mais velha, sem sangue novo.

          Acho que tbm mostra a falência moral da cidade, os caras de disposição não querem limpar, querem integrar milícia, aí é foda.

          • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:43

            Lógico irmão…..quem usa a força bruta NUNCA foi valorizado no Brasil…..

            Sempre vai um intelectualzinho de bosta metido a besta e leva os louros pelos progressos da sociedade, mas se esquecem que sem a força jamais poderiam fazer aquilo com segurança

            Cientista leva fama. Artista leva reconhceimento e bajulação. E os fortões, que garantem todo mundo?? Levam PICA NO RABO, cadeia, esculacho e ficam na pobreza na velhice.

            Pica forte é ser segurança público ou particular no BR….pq só valorizam o intelecto….não valorizam a força bruta.

            Aliás, operacional aqui VALE NADA. nem pra própria família.

            Aí o camarada amadurece, vê que não gostam dele por ser cão pastor…e se vê em escolher uma opção.

            OU o cara assume função burocrática ou de inteligência tipo Papirante, e segue o barco.

            OU fica morgando na merda e na depressão o cargo operacional até a aposentadoria, fazendo bico

            OU entra pro crime, pega mulher pra caralho, manda em sua localidade, e FAZ BULLYING com os ” ” inteligentinhos” ” cobrando lhes propina, assaltando-os e bancando criminosos nos bairros nobres onde eles moram.

            PORRA….enquanto não houver paridade entre inteligência, emoção e FORÇA…..ninguém conseguirá ser feliz nesse espaço de chão aqui.

            • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:05

              Em resumo…..o cenário do BR é:

              OU assume um conservador e faz a transição de forma controlada e paulatina

              OU nego vai pros finalmente e se matam no meio da rua, vai ter bate bola batendo em universitário dentro do campus…nego controlando de fuzil abertamente bairros nobres…isso aqui virará Honduras, México, El Salvador os caralhos.

              O fato é que MUNDIALMENTE resolveram rever o pacto liberal que separava o poder da força e do dinheiro…………nego que usa a força está revendo o pacto…….ora porra….nego parou de roubar as mercadorias e passou a fazer parte das tropas de Estado em troca de prestígio e grana que tinham quando eram corsário…………….e desde então o que o mundo se transformou??? NUM BANDO DE MARICAS.

              O mundo virou, e isso é mera consequência, inevitável, claro.

              • Setembrochoves 13/02/2018 at 06:12

                Sua tristeza é minha tristeza

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:21

    https://www.youtube.com/watch?v=97-P2cD40qo

    Por que deixei a Carreira de Sargento do Exército? Minha Jornada como militar de carreira (CFS 2003)

  • oantabolhista 13/02/2018 at 01:36

    Tem um mav aprontando no grupo do Bolha no foice

    • Mari 13/02/2018 at 01:47

      Passando vergonha só.

      E diz que está legal lá kkkk

      Tá tão preocupado com imigrantes e falando asneiras…

    • Setembrochoves 13/02/2018 at 06:13

      Como eu acho o Face do Bolha ???

  • AL 13/02/2018 at 01:39

    Porra Trouxa, mas que figura esse sargento hein…

    Cara fez tudo, terminou nada, aí vai ser coach.

    Porra, como assim? O cara não termina nada na carreira, mas quer orientar a carreira alheia????

    • trouxa bananense 13/02/2018 at 01:44

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

      Serve pra ilustrar o exemplo que é a porra da vida de MACHO CÃO PASTOR aqui, meu irmão……………..ninguém te valoriza, aí tem que dar seu jeito……………descobrir outros talentos…..não tem escapatória.

      • AL 13/02/2018 at 01:51

        O cara pode e deve ser macho cão pastor, mas tem que ter uma atividade paralela, LÍCITA, pra ter o respeito que a grana confere, além da força.

        Sou super educado, mas todo mundo, aqui na minha região, sabe que tenho o controle limítrofe, ninguém mexe e os antigos deixam eu parar na roda deles pra tomar uma, vez em quando, pois sabem que não entro em parada errada, mas se ver um netinho deles no sufoco, vou chegar junto tocando o zaralho.

        O negócio é o caminho do meio.

        A foda é que, nem sempre, quem tem talento pra força, tbm tem pra inteligência.

        • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:01

          Mas o cara tem uma energia absurda pra BATER ou MATAR os outros…….um cara desses não serve pra sentar a bunda num computador e fazer trade, ser consultor. Negócio dele sempre vai pro ilegal porque é PROIBIDO ( OBVIO) fazer o que ele tem de vocação.

          • AL 13/02/2018 at 02:17

            Trouxa eu sei como é isso.

            Acredite.

            E concordo, 1% apenas se enquadra. E não acredito que isso seja um talento meu, mas como filho de um caveira, fui preparado pra isso, meu velho qdo viu como eu era, e viu isso cedo, foi logo me mandando as reais, todas, inclusive que ou eu aprendia a me dominar, minimimente, ou acabaria à margem, seja como um Zé, ou marginal.

            Ele mesmo é um Zé, com três condecorações em tempos de paz, mas que não se adapta em qualquer ambiente, mesmo na caserna.

            Ele é lobo solitário, e só cola com gente muito simples, onde tudo seja simples e ele possa ficar tranquilo, sem precisar mandar ou ser mandado. Essa foi a solução pra ele.

            Pra mim foi tiro, porrada e bomba, por isso falo, sou militar desde os cinco anos, que foi quando o velho começou a me intruir física e psicologicamente nas técnicas e táticas especiais.

            O velho me obrigou a estudar três línguas, fez lavagem cerebral pra que eu tivesse no mínimo uma pós, preferencialmente um doc.Entre outras coisas.

            Dou graças a Deus pela loucura dele rsssss, estou bem, vivo , meio maluco, mas conseguindo andar nos dois extremos.

            Por isso te falo que sei bem.

            Não fosse meu velho, certamente estaria na fronteira agora, ou morto.

            • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:22

              Vc mesmo sabe como é essa “civilização”….a maioria não a quer e conspira pra que não ocorra…rs

              Fato que até então, pessoas como vc e seu paie ntre outros, poderiam achar que era mera casualidade da vida…………..mas graças a informação, que se espalha como a luz do dia….pessoal percebeu que ( odeio imitar discurso esquerdista, mas vai lá) eles são USADOS pelo povo mais esperto…..óbvio que vai dar merda forte. Foram expulsos do paraíso…vai dar ruim. No mundo todo tá, não só no BR.

              • AL 13/02/2018 at 02:31

                Com certeza a reação ainda não começou, a medida que mais e mais pessoas despertarem, e desejarem reinvindicar o seu quinhão, o bicho vai pegar.

        • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:08

          Faz o seguinte….pergunte a um deles SE conseguem ser tratados com respeito em qualquer empresa onde peçam emprego??? NÃO, pois tem a marca da besta nas mãos…..

          São policiais, são militares…logo, mesmo bem qualificados e experientes da vida, serão tratados como LIXO, como gentalha, como gentinha, e serão preteridos por um esquerdinha, por um pseudo intelectual que pensa como uma porta, mas sabe vender a própria imagem.

          • AL 13/02/2018 at 02:28

            Disso eu sei, por isso disse, o cara tem que fazer algo paralelo, a maioria empreende em alguma coisa no ramo de alimentação, outros alugam autonomias e por aí vai indo.

            • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:31

              Pois é…..eles tem que SOBREVIVER……e sempre a margem do status quo da sociedade…….enriquecer é quase impossível pra eles…….pertencer a alta sociedade então….vixe só na outra encarnação…..foda.

              • AL 13/02/2018 at 02:34

                Nisso eu concordo, ou o cara veio de escolar superior de guerra ou correlatos, ou fudeu, não tem muito espaço pra praça que quer crescer, vide Falcon.

                • AL 13/02/2018 at 02:37

                  Não a toa, a maioria dos praças com um pouco mais de tutano, fazem uma facu e trocam a vida militar por algum concurso federal, tão logo oercebem que vão servir apenas pra bucha de canhão.

                  Não é como nos eua onde um simples trooper já é respeitado e querido pela comunidade.

                  • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:41

                    Mas nos EUA isso também acontece….povo mais “gente fina, elegante e sincera” trata gente cão pastor como LIXO…..não é só carreira e finanças…é questão de prestígio e status quo.

                    • AL 13/02/2018 at 02:44

                      Mas lá, esses são zoados pelo worker, são “povo bonito”, aqui os idiotas acreditam neles.

                    • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:49

                      Só que zueira não traz dinheiro e nem prestígio pros worker…..e isso vai dar ruim com força…

  • Balduino IV 13/02/2018 at 01:43

    Os caras não param mais kkk todo dia é uma cagada na cabeça da ONU e dos cabeças de pano

    “Israel diz que discute anexar colônias na Cisjordânia com EUA, que negam
    Netanyahu defende soberania israelense em assentamentos tidos como ilegais pela ONU”

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:35

    HUAHAUHAUAHUAHAUHAUHAUAHAUHAUHAUHAUAHA

    Olha o nível dos caras, tanto os que perguntam, quanto o PQD que responde as dúvidas.

    https://www.youtube.com/watch?v=w_Rn0f2XoAw

    Perguntas de Bizonhos Exercito Brasileiro KKKKKK Rachei
    ————————————-

    Imagina um desses mandando numa turma de universiotários?????

    • AL 13/02/2018 at 02:39

      ???????

      • trouxa bananense 13/02/2018 at 02:40

        Nego perguntando se tem que tomar banho coletivo pelado no exército é dose….

        • AL 13/02/2018 at 02:41

          Manjão detected kkkkkkkkkkkk

  • AL 13/02/2018 at 03:02

    Ainda não inventaram nada melhor do que o Quartel, mulher não conta, se Deus fez algo melhor, guardou só pra ele rass.

    Recruta falando do Exército Brasileiro.

    https://youtu.be/tx8pmh_4iH0

    • trouxa bananense 13/02/2018 at 03:11

      Que bizonhice da porra!!!!!!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 03:16

    Falta um plano de pressão psicológica em toda a nação brasileira.

    • Balduino IV 13/02/2018 at 03:23

      Essa pressão já existe, o que falta é apontar uma direção, direção certa de preferência…

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 03:34

    https://www.youtube.com/watch?v=Qd_dgQiFJB8

    Camelô tirou onda com o Militar PE – Policia do Exercito Brasileiro

  • trouxa bananense 13/02/2018 at 03:36

    TCHAU

  • Escreva seu Comentário (Ir para o início)